A lista única à secção de Santiago de Bougado do Partido Socialista, liderada por Carlos Portela, foi eleita com 62 votos a favor, cinco brancos e um nulo. A eleição aconteceu na tarde de sábado, depois de no dia 7 de dezembro, data oficial do sufrágio, não ter sido aberta a votação para a secção.

Também foi repetida a votação da lista para a Comissão Política Concelhia, liderada por Marco Ferreira, que obteve 12 votos favoráveis, 50 brancos e seis nulos. Estes resultados “não tiveram nenhuma interferência” nos que foram apurados na primeira eleição, a 7 de dezembro, mas não recolheram a concordância dos militantes afetos à lista vencedora. “Para nós, a votação para a concelhia já tinha sido apurada no dia 7 de dezembro, mas respeitamos a opinião do órgão de jurisdição”, afirmou ao NT, Marco Ferreira.

Recorde-se que as eleições de 7 de dezembro ficaram marcadas por desacatos na Trofa e na secção de Santiago de Bougado as urnas abriram com um atraso de duas horas, já que a chave das instalações desapareceu e quando finalmente a encontraram, foi a vez de desaparecerem os boletins de voto.