O Trofense conquistou três pontos na recepção ao Desportivo das Aves, depois de ter estado a perder ao intervalo. Valdomiro garantiu a reviravolta a seis minutos do fim, na sequência de um pontapé de canto.

  Já não é a primeira vez que Valdomiro, com um cabeceamento perfeito, consegue garantir o triunfo para o Trofense. Já na segunda jornada, também em casa, o central conseguiu marcar de cabeça, na mesma baliza e na sequência de um pontapé de canto, o golo da vitória. Valdomiro conseguiu um lugar na defesa trofense e tem-se revelado peça fundamental para o bom percurso da equipa da Trofa.

 Contudo há que frisar a exibição de toda a equipa que, com grande determinação, surgiu com uma nova atitude na etapa complementar e desenhou a reviravolta que valeu três pontos.

No seu estádio, o Trofense entrou melhor na partida e Pinheiro, logo aos cinco minutos, podia ter inaugurado o marcador, mas o remate embateu no poste direito da baliza defendida por Rafael. Num contra-ataque rápido pelo flanco direito, o Desportivo das Aves aproveitou para inaugurar o marcador, por intermédio de Tatu, aos 28 minutos.

A partir do golo, o Trofense demonstrou alguma instabilidade, pelo que Toni apenas esperava o intervalo para fazer alguns reajustes na táctica da equipa. O descanso acabou por surtir um efeito positivo na equipa da Trofa que surgiu muito motivado e confiante em alcançar a vitória.

Fábio Paim foi o primeiro a marcar, aos 53 minutos, aproveitando um erro crasso do guarda-redes do Desportivo das Aves que largou a bola, lance que o médio ofensivo trofense não desperdiçou.

Foi o primeiro golo de Paim, que coroa as excelentes exibições que tem rubricado desde que chegou à Trofa.

À medida que os minutos passavam denotava-se cada vez mais a hegemonia do Trofense relativamente ao adversário. Rui Borges II, poucos momentos depois de entrar para o lugar de Fábio Paim, teve uma soberana oportunidade para marcar, mas o remate saiu por cima e Paulo Sérgio, aos 71 minutos, rematou forte à barra da baliza

Numa altura em que o Trofense já justificava a vantagem, Valdomiro conseguiu subir mais alto que os defesas do Aves e fixou, o resultado final em 2-1, num cabeceamento na sequência de um pontapé de canto.

O Desportivo das Aves, ao contrário do adversário, ainda não sabe o que é festejar uma vitória nesta temporada e depois de ter ultrapassado o pesadelo da descida na época passada. A equipa de José Gomes somou a quarta derrota consecutiva, não tem qualquer ponto e ocupa o último lugar da tabela classificativa.

 

 Toni: "A equipa acreditou que podia dar a volta ao resultado"

No final do jogo, o técnico trofense frisou a exibição da equipa na segunda parte, fruto de uma grande determinação de todos os atletas: "os jogadores acreditaram e fizeram uma boa segunda parte. Penso que esta vitória é justa para o Trofense, porque os jogos têm todos 90 minutos".

Com o facto de ter estado a perder em casa Toni sublinhou que a equipa tem "18 jogadores novos no plantel e não é fácil conseguir as coisas do dia para a noite". No entanto o treinador acredita que "a equipa está a melhorar" e que "vai fazer um campeonato dentro daquilo que são as nossas perspectivas".

 

 José Gomes: "Sou a solução para o Desportivo das Aves"

Sobre o jogo, o técnico referiu que na primeira parte o Aves foi "exemplar a defender, não dando qualquer oportunidade de finalização para o Trofense, saiu bem para o contra-ataque e iniciou a segunda parte com o mesmo espírito e concentração". Depois do golo "o peso dos maus resultados recentes voltou e a equipa perdeu o controlo do jogo", pelo que José Gomes frisou que o futebol " é feito de detalhes".

Apesar desta temporada conturbada, José Gomes acredita que continua a ser a "solução para o Desportivo das Aves".

 

Resultados 4ª Jornada

Trofense 2 – 1 Desp. Aves

Varzim 0 – 0 Vizela

Feirense 2 – 2 Fátima

Gondomar 0 – 0 Portimonense

Beira Mar 1 – 0 Penafiel

Estoril 3 – 2 Freamunde

Olhanense 0 – 0 St. Clara

 

Próxima Jornada (23-09-2007)

Olhanense – Beira-Mar

Penafiel – Estoril

Freamunde – Trofense

Desp. Aves – Varzim

Vizela – Rio Ave

Gil Vicente – Feirense

Fátima – Gondomar

Santa Clara – Portimonense

 

Classificação

  1. Santa Clara – 10 pontos

  2. Estoril – 9 pontos

  3. Beira-Mar – 9 pontos

  4. Varzim – 8 pontos

  5. Rio Ave – 8 pontos

  6. Trofense – 7 pontos

  7. Freamunde – 6 pontos

  8. Fátima – 5 pontos

  9. Feirense – 5 pontos

  10. Vizela – 5 pontos

  11. Olhanense – 5 pontos

  12. Gil Vicente – 4 pontos

  13. Portimonense – 3 pontos

  14. Gondomar – 1 ponto

  15. Penafiel – 1 ponto

  16. Desp. Aves – 0pontos