A equipa comandada por Renato Pontes, que vinha de uma vitória fora de portas frente ao Valonguense, até foi o primeiro a criar perigo junto da baliza adversária, com Serginho a rematar ao lado, mas o Ataense foi sempre mais acutilante nos lances ofensivos.

   O Bougadense não entrou em 2008 da melhor maneira ao perder, em casa, com o Ataense, no jogo referente à décima sexta jornada da Divisão de Honra da Associação de Futebol do Porto.

O resultado de 1-3 castiga os erros defensivos do conjunto de Santiago de Bougado que tinha poucas soluções no banco e estreou Miguelito, autor do tento bougadense.

A equipa comandada por Renato Pontes, que vinha de uma vitória fora de portas frente ao Valonguense, até foi o primeiro a criar perigo junto da baliza adversária, com Serginho a rematar ao lado, mas o Ataense foi sempre mais acutilante nos lances ofensivos. Ainda antes de inaugurar o marcador, aos 18 minutos, a equipa visitante rematou ao poste, para alivio completo de Lírio.

O primeiro golo surgiu nove minutos volvidos por intermédio de Marinho, com um remate que surpreendeu o guarda-redes bougadense Nuno.

A resposta surgiu pelos pés de Miguelito com um remate que saiu ao lado da baliza defendida por João Paulo.

O mesmo jogador, em dia de estreia, conseguiu mesmo chegar ao golo e reforçar a posição de um dos melhores elementos em campo, aos 44 minutos, na sequência de um cruzamento de Serginho.

O Ataense regressou do intervalo mais atrevido e chegou à vantagem novamente por Marinho, de cabeça, nos primeiros minutos do reatamento.

Apesar de conseguir ser superior na posse de bola, o conjunto bougadense manifestou alguma ineficácia ofensiva e discernimento nos momentos-chave do jogo.

Já perto do final, o Ataense conseguiu chegar ao terceiro golo, num livre directo marcado por Gil I.

 

Renato Pontes: "Ataense soube aproveitar os nossos erros defensivos"

"Exagerado". Foi desta forma que Renato Pontes caracterizou o resultado final de 1-3 frente ao Ataense. Para o técnico "eficácia é que definiu o jogo", acrescentando que o adversário "soube aproveitar o erros defensivos do Bougadense".

Para Pontes o resultado mais ajustado "seria o empate", contudo não deixou de enunciar o "calcanhar de Aquiles" da equipa: "Nos últimos minutos de jogo faltou-nos algum discernimento, porque ganhávamos a bola e depois queríamos chegar rápido à baliza adversária. Não tivemos a tranquilidade suficiente para chegar ao empate".

 

José Oliveira: "Fomos uns justos vencedores"

Pelas oportunidades criadas ao longo do jogo o Ataense, na opinião de José Oliveira, "foi um justo vencedor. Fomos mais equipa que o Bougadense. Apesar de o jogo ter sido equilibrado, fomos melhores nos pequenos detalhes e por isso fizemos a diferença".

O técnico do Ataense mostrou-se, igualmente, satisfeito com a exibição da arbitragem, "que fez um jogo sem casos".

 

Jogo: Campo de Jogos da Ribeira

Bougadense: Nuno, Mó, Flávio, Ricardo Sá, Queirós, Daniel Conde, Serginho, Paulinho, Lírio, Pedro Costa (RD 72'), Miguelito.

Treinador: Renato Pontes

Ataense: João Paulo, Gil II, Gil I, Marcos, Artur (Rodrigo 85'), Sérgio (Tiago 45'), Coutinho (André 45'), Hugo, Carlos, Marinho, Renato.

Treinador: José Oliveira

Árbitro: Carlos Duarte, auxiliado por Jorge Silva, João Matos e Jorge Couto

Cartões Amarelos: Coutinho (15'), Pedro Costa (26'), Tiago (52'), Serginho (58') e Queirós (78')

Marcadores: Marinho (27' e 47'), Miguelito (44') e Gil I (87')

Resultado ao intervalo: 1-1

Resultado final: 1-3

 

 

Resultados 16ª jornada

Pedrouços 0-1 Coimbrões

Perosinho 0-1 Alpendorada

Perafita 1-0 Sra Hora

Canidelo 2-1 Candal

Avintes 2-1 Arcozelo

Rio Tinto 1-1 Vilanovense

Bougadense 1-3 Ataense

Sousense 0-1 Valonguense

Ermesinde 0-1 Várzea Douro

 

Próxima jornada (13-01-2008)

Coimbrões-Perosinho

Alpendorada-Perafita

Sra Hora-Canidelo

Candal-Avintes

Arcozelo-Rio Tinto

Vilanovense-Bougadense

Ataense-Sousense

Valonguense-Ermesinde

Várzea Douro-Pedrouços

 

Classificação

  1. Alpendorada – 38 pontos

  2. Coimbrões – 36 pontos

  3. Ataense – 33 pontos

  4. Candal – 30 pontos

  5. Arcozelo – 28 pontos

  6. Valonguense – 25 pontos

  7. Avintes – 25 pontos

  8. Sousense – 22 pontos

  9. Perosinho – 22 pontos

  10. Rio Tinto – 20 pontos

  11. Várzea Douro – 19 pontos

  12. Pedrouços – 18 pontos

  13. Canidelo – 18 pontos

  14. Bougadense – 18 pontos

  15. Perafita – 17 pontos

  16. Sra Hora – 17 pontos

  17. Vilanovense – 11 pontos

  18. Ermesinde – 2 pontos