quant
Fique ligado
BTT BTT

Edição 462

Bougadense dinamiza o 1º Prémio de BTT

Publicado

em

 

O concelho da Trofa vai ser palco do 1º Prémio de BTT do Atlético Clube Bougadense, a contar para a Taça Regional XCO, que se realiza no dia 2 de março. Prova serve para apresentar a modalidade de ciclismo do clube.

São esperados “entre 150 a 200 atletas federados” para participar no 1º Prémio de BTT do Atlético Clube Bougadense, que faz parte da segunda etapa da Taça Regional XCO da Associação de Ciclismo do Porto (ACP).

O Parque de Jogos da Ribeira vai ser o ponto de partida e de chegada dos ciclistas participantes nesta prova, que está reservada a todas as categorias a partir de cadetes. A primeira corrida, com início pelas 9.30 horas, é destinada a Master 40, 50 e 60 e Promoção, a segunda para todas as categorias femininas e a terceira para as Elites/Sub-23, juniores masculinos e Master A. A cerimónia protocolar está prevista para as 13.45 horas.

Os atletas não federados podem inscrever-se para a corrida de Promoção, apresentando-se com “alguma antecedência” junto do secretariado, no dia da prova, com os documentos e pagando uma taxa que já inclui seguro.

O diretor e também treinador de ciclismo do Bougadense, Tiago Torres, afirmou que o circuito tem “uma zona técnica bastante complicada, mas o grande grosso do percurso não é muito difícil”. Contudo, “as condições do tempo podem agravar o percurso”, que ao ficar com “muita lama” acaba por “endurecer a corrida”.

O XCO é, segundo Tiago Torres, “uma vertente do ciclismo de BTT de curta duração”, que “normalmente são caracterizadas por percursos técnicos e várias dificuldades, em que os ciclistas têm que ter muita aptidão técnica para manobrar a bicicleta”.

O treinador espera que na organização da prova “corra tudo bem” e que “não haja problemas por causa do tempo, que tem inundado a pista”, que está “um bocado escorregadia”. “É uma pista complicada com alguma lama, que vai criar sempre algumas dificuldades e vai tornar o percurso duro, mas estamos convencidos que vai ser bonito e muito engraçado. Tenho a certeza que quem quiser competir não vai sair daqui a fazer má figura”, declarou, evidenciando que a direção está “empenhada a levar este projeto por diante”, tendo já agendada para o dia 11 de maio a 2ª Prova Taça Portugal Zona A para o escalão de cadetes e o 1º Prémio Cidade da Trofa para escolas e juniores.

Publicidade

A organização desta prova, que fica a cargo do Atlético Clube Bougadense e da ACP, com o apoio da Câmara Municipal da Trofa e da Junta de Freguesia de Bougado, marca assim o surgimento de uma nova modalidade no seio da associação de Santiago de Bougado: o ciclismo.

O diretor desportivo, José Martins, declarou que foi “em dezembro” que conseguiu a organização deste evento, que servirá para apresentar a nova modalidade do Bougadense, esperando que seja um “grande sucesso para que atraia atletas”. “Pretendíamos que aparecesse mais jovens para fazermos uma escolha e começarmos a formar a equipa. O nosso objetivo é competir para ganhar. Temos gente com capacidade para trabalhar os atletas. O Tiago (Torres) está credenciado para planos de treino e ajudar os atletas naquilo que for preciso. Não precisam de ir a outros lados para fazer planos de treino”, referiu.

A direção da secção da modalidade de ciclismo do Atlético Clube Bougadense é ainda constituída por José Ribeiro, Vera Araújo e Adalberto Maia. O clube já está inscrito na Federação Portuguesa de Ciclismo, com equipa de sete atletas. O “grande foco” da modalidade será “a formação das camadas jovens”, tendo abertura para receber atletas para a secção de cicloturismo e para “o BTT, desde a formação até aos escalões masters e veteranos”.

Continuar a ler...
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Edição 462

Abertas candidaturas ao Prémio Bial

Publicado

em

Por

 

Prémio monetário, no valor de “340 mil euros”, assinala 30º aniversário da Fundação Bial. Candidaturas abertas até ao dia 31 de outubro.

“Premiar a investigação médica” é um dos principais objetivos do Prémio Bial, que pode ascender aos “340 mil euros”, sendo já considerado como “um dos maiores galardões internacionais na área da saúde”.

A 16ª edição do Prémio Bial, que este ano assinala 30 anos desde a sua primeira edição, ascende a “340 mil euros”, contemplando “a investigação básica e a pesquisa clínica através de duas modalidades: o ‘Grande Prémio Bial de Medicina’ e o ‘Prémio Bial de Medicina Clínica’”.

Luís Portela, presidente da Fundação Bial, relembra que este prémio nasceu para “incentivar a investigação médica e promover a sua divulgação, primeiro em Portugal e, posteriormente, a nível internacional, acompanhando ao longo da sua história a evolução e as tendências da Saúde e da Medicina”. Luís Portela orgulha-se de “promover um dos maiores galardões na área da saúde, capaz de atrair médicos e investigadores de diversos países e de premiar profissionais de referência mundial nas suas áreas de investigação”.

No valor de 200 mil euros, o Grande Prémio Bial de Medicina distingue “trabalhos de índole médica de grande qualidade e relevância científica”. Já o Prémio Bial de Medicina Clínica, no valor de cem mil euros, premeia “um tema livre dirigido à prática clínica”. No regulamento deste concurso está também contemplada a possibilidade de atribuição de menções honrosas, “até quatro trabalhos concorrentes, no valor de dez mil euros cada”. Para além do valor monetário, o Prémio Bial 2014 contempla uma edição exclusiva, com “uma tiragem entre cinco e 15 mil exemplares”, do trabalho vencedor do Prémio Bial de Medicina Clínica e de algumas das obras galardoadas, para divulgação e distribuição gratuita junto dos profissionais de saúde.

Instituído em 1984, o Prémio Bial é atribuído de dois em dois anos e já mobilizou “1315 investigadores, médicos e cientistas, autores de 580 obras candidatas”. Nas 15 edições realizadas, distinguiu “231 autores (91 obras premiadas)” e foram editadas e distribuídas gratuitamente pela classe médica e científica “mais de 30 obras premiadas, num total de mais de 300 mil exemplares”.

Criada em 1994 pelos Laboratórios Bial em conjunto com o Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas, a Fundação Bial é uma instituição “sem fins lucrativos”, que tem como missão “a promoção do estudo do Homem, distinguindo-se pelo seu papel incentivador da investigação médica e científica a nível internacional”.  

Publicidade
Continuar a ler...

Edição 462

ADRC Finzes promove Caminhada no Dia da Mulher

Publicado

em

Por

Para assinalar o Dia Internacional da Mulher, a Associação Desportiva Recreativa Cultural de Finzes vai promover uma caminhada no dia 9 de março.

A concentração está marcada para as 9 horas, junto à Academia Municipal da Trofa (Aquaplace) e o percurso terá um grau de dificuldade média/baixa. No fim, haverá uma aula de relaxamento.

É obrigatório o uso de sapatilhas.

As inscrições são gratuitas e podem ser feitas nos locais de divulgação ou através do contacto telefónico 911 025 393. 

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também

} a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);