A Banda de Música da Trofa abrilhantou as festas do Divino Espírito Santo, na Trofa, com um concerto noturno, que principiou às 22 horas de sábado, 26 de maio, e terminou, já passava da meia-noite.

A temperatura no Parque Nossa Senhora das Dores estava bastante baixa, o que desmotivou as pessoas de estarem presentes neste evento musical, no entanto, cerca de trezentas pessoas assistiram à atuação. O repertório escolhido pelo talentoso Maestro da nossa Banda, Luís Campos foi o seguinte: Agarrate Saxo-Tannauser-Principe Igor- Noches de Granada-Abba Mia-Xutos e Desfolhando Cantigas. No final, a nossa Banda prostrou-se em frente do Bar da Comissão de Festas de Nossa Senhora das Dores, honrou a sua presença perante o presidente da Comissão de Festas de 2012, José Sá, e vários membros da mesma.

Mais uma vez, o Comendador J. Serra, esteve presente, assim como o presidente da Banda, Luís Lima, que ouviram com perfeição, as lindíssimas marchas “J. Serra” e “João Lima”, esta a título póstumo.

Foi um excelente concerto e, só foi pena, que no domingo seguinte (27 de maio) não estivesse outra banda ou mesmo a nossa banda, a atuar nestas festividades do Divino Espírito Santo aqui na nossa Trofa. Nesse domingo,   Banda viajou à vizinha freguesia de Fradelos para ouvir duas bandas: Banda Marcial de Fermentelos e Associação Recreativa e Musical de Vilela – Paredes. É de lamentar, que a nossa Trofa, não dê o devido valor a esta instituição que é a Banda da Trofa. Fradelos, freguesia muito rural, dá lições culturais a este nível, pois a nossa Trofa tem potencialidades financeiras muito maiores que a dita freguesia de Fradelos, que este ano de 2012, honrou estas festividades religiosas com duas bandas de música e a Trofa deu só duas horas de música, o que lamentamos sinceramente. 

Seja-me perdoado este lamento, mas tenho que dizer isto com bastante mágoa, pois, ultimamente, a Trofa tem um défice de cultura muito grande. Temos uma excelente Banda, a melhor do País, e só fora de portas é que lhe é reconhecido o real valor como embaixatriz da nossa terra, onde todos os fins de semana leva o nome da Trofa para fora de portas e até no estrangeiro como aconteceu no passado.

Nota final: quero fazer um apelo a todos os trofenses que procurem ser sócios desta bem dirigida coletividade para que continue a projetar esta novissíma cidade e jovem concelho.

A Banda de Música vai atuar no próximo dia 8 de junho, pelas 21 horas, no âmbito das comemorações do 12º aniversário da AEBA – Associação Empresarial do Baixo Ave. O concerto realiza-se no auditório da associação empresarial, no Centro Comercial Nova Trofa.

Valdemar Silva

{fcomment}