Vendida em todo o país para multi-marcas, a marca Bus surgiu da criatividade de uma família trofense e, desde a sua criação, tem revelado um crescimento constante.

O apelo de um vendedor de Lisboa que precisava de vender calças acabou por ser o primeiro passo de uma aposta de sucesso de Mamede Cruz, fundador da empresa BUS, que há 10 anos decidiu investir na confecção de calças. Hoje a Bus Urban Wear é já uma marca consolidada no sector têxtil da região e a nível nacional e também motivo de orgulho do seu fundador.

Vendida em todo o país para multi-marcas, a marca Bus surgiu da criatividade de uma família trofense e, desde a sua criação, tem revelado um crescimento constante, contando para tal com o trabalho de cerca de 45 funcionários.

visita-bus

Esta foi a realidade que impressionou Bernardino Vasconcelos, presidente da autarquia da Trofa que, no âmbito do projecto “Trofa – Concelho para Investir”, visitou mais uma empresa trofense, em conjunto com a Associação Empresarial do Baixo Ave.

“Não tinha a noção precisa da qualidade e da criatividade destes produtos que apresentam na área da moda para jovens, homem e mulher, e fiquei de facto impressionado, estão perfeitamente implantados a nível nacional e é notório para quem olha para a sua ocupação em termos de espaço do mapa de Portugal”, realçou o edil trofense, em declarações ao NT/TrofaTv, afirmando que ficou “extremamente impressionado” com a visita. “Têm já de facto uma presença marcante e estão agora a tentar dar o salto para a internacionalização, o que é importante para a empresa e para a nossa economia”, acrescentou.

Manuel Pontes, presidente da Associação Empresarial do Baixo Ave, reiterou a opinião, afirmando que “numa altura de crise em que toda a gente diminui”, a Bus é um exemplo de que “apesar de tudo os têxteis continuam a ter grandes hipóteses”.

Com sede comercial e um armazém em Ervosa, na Trofa, e fábrica de produção em Palmeira, Santo Tirso, a BUS tem várias lojas de venda ao público no norte e demarca-se pelo estilo jovem e dinâmico. “Temos uma loja no Lago Discount, no Braga Parque, no Mar Shopping e vamos abrir agora em Mindelo se correr bem”, adiantou Mamede Cruz.
Satisfeito com a iniciativa da autarquia trofense e da AEBA, o fundador da empresa referiu que a visita mostrou que “os autarcas têm interesse para que as empresas funcionem, o que é muito agradável”.

Inserida no projecto “Trofa – Concelho para Investir”, a visita à Bus teve como objectivo conhecer de perto o trabalho desenvolvido pela empresa, assim como dar a conhecer as respostas sociais disponibilizadas pela autarquia e a AEBA ao tecido empresarial do concelho.