No próximo dia 22 de maio, pelas 14h00, a Assembleia Municipal Jovem da Trofa vai eleger mais dois projetos desenvolvidos no âmbito do Orçamento Participativo Jovem (OPJ). A sessão contará com a presença de representantes de cada projeto concorrente e dos elementos da mesa da Assembleia eleita no Conselho Municipal da Juventude.
“Os projetos a concurso no Orçamento Participativo Jovem vão a votação pelos jovens da Assembleia Municipal, feita de forma presencial ao longo da tarde”, informou a a Câmara Municipal em nota informativa. “O período de funcionamento do secretariado e de votação dos projetos decorre até às 18h00”, sendo que “a contagem dos votos e apuramento dos resultados será feita até às 19h00”, hora em que serão conhecidos os resultados.
No âmbito escolar, concorrem 5 projetos: “Desporto e lazer, dá saúde e prazer!”, da Associação de Pais da Escola Básica n.º 2 do Cerro; “Digital e Robótica”, de Tomás Santos, estudante na Trofa; “Ludoteca do Futuro”, da Associação de Pais da Escola Básica de Fonteleite; “Mais diversão melhor educação, na EB23”, de Maria Lima, Afonso Dias, Márcia Moreira e Mariana Moreira, alunas da EB 2/3 Professor Napoleão Sousa Marques e “We Love Sports”, de Pedro Carvalho e Carolina Ferreira, alunos da Escola Secundária da Trofa.
Por sua vez, a nível concelhio, foram validadas três propostas: “Atelier do Samba”, de Duarte Santos, Mafalda Nunes e Manuela Silva; “Dispositivo de avaliação do estado das estradas”, de Nuno Nogueira, e “IntergeraSom”, de Ana Veiga, Rui Costa e Inês Oliveira.
Anualmente, a Câmara Municipal dispõe de uma verba de 25 mil euros do Orçamento Municipal para a concretização dos projetos vencedores, dos quais 17.500 euros são atribuídos à proposta de âmbito geral ou associativo e 7500 euros à de âmbito escolar”.