A Pousada da Juventude de Almada foi o palco escolhido para receber o 12º Campo de trabalho da Amnistia Internacional, que decorreu de 29 de outubro a 1 de novembro. Este ano nove alunos do 12º ano da Escola Profissional CIOR participaram nesta iniciativa dedicada ao tema “Vamos defender os Direitos Humanos”.

Este evento visa “despertar a atenção dos jovens para os princípios consagrados na Declaração Universal dos Direitos Humanos, de modo a mobilizá-los para projetos e atividades de promoção e defesa desses mesmos direitos”.

Durante estes quatro dias, os jovens tiveram a oportunidade de conhecer o trabalho da Amnistia Internacional e o papel dos jovens no ativismo. Entre outras atividades, debateram os problemas mais concretos de Direitos Humanos e participaram em diversas sessões de trabalho alusivas aos temas da discriminação de género, discriminação com base na orientação sexual e tolerância e diálogo intercultural. Esta assembleia de jovens serviu ainda de palco para a comemoração do 50º aniversário da Amnistia Internacional e dos 30 anos de Amnistia Internacional, em Portugal.

{fcomment}