As alminhas de Ervosa estão a ser objeto de obras de restauro, uma vez que estavam em risco de derrocada. A empreitada foi decidida pela paróquia de S. Martinho de Bougado, depois de consultar a comissão fabriqueira. “Foi contactada uma empresa especializada nestes restauros, a empresa Dalmática.

Assim, os elementos em granito foram retirados bem como os azulejos que estão nas oficinas dessa empresa para serem restaurados e, posteriormente, integrados no local com uma envolvente mais condizente com a importância das ditas alminhas”, explicou a paróquia em nota informativa.

As alminhas de Ervosa são as mais antigas da Trofa e datam de 1772, tendo sido alvo de uma recuperação em 1940.