A 2 de Outubro, oito aventureiros partiram da Trofa em direcção a Santiago de Compostela montados nas suas bicicletas.

Até 5 de Outubro pedalaram mais de 200 quilómetros por montes e vales, aldeias e cidades e chegaram à catedral espanhola, no dia em que Portugal comemorou o Centenário da República. No final, eram sete, pois um dos participantes teve de regressar por motivos profissionais.

Durante a viagem, as “peripécias” sucederam-se, também motivadas pelo “mau tempo”, que não deu descanso aos peregrinos da Trofa. “Sobretudo no domingo (dia 3) foi complicado, porque aconteceu um pouco de tudo: quedas, ruas completamente alagadas e bicicletas que ficaram sem travões”, enumerou João Pedro Ferreira, um dos organizadores da actividade.

Apesar das poucas inscrições, a iniciativa pretendia “juntar associados, técnicos, colaboradores e formandos da AEBA”. João Pedro espera repetir a peregrinação para o ano, “com mais participantes”.