Os jovens com idade até aos 35 anos, com qualificação superior em áreas de educação e formação de interesse para a inovação e a gestão de empresas, podem ter acesso a estágios profissionais. A garantia é dada pela AEBA, no âmbito do programa INOV-JOVEM.

 A AEBA – Associação Empresarial do Baixo Ave, enquadrada no espírito do programa INOV-JOVEM – Medida I, organiza uma vez mais estágios profissionais, em Pequenas e Médias Empresas (PME). Através deste apoio, no último trimestre do ano passado, onze estagiários com habilitações de nível superior foram colocados em empresas do Baixo Ave.

Esta medida, promovida pelo Instituto do Emprego e Formação Profissional, que está em vigência até ao dia 31 de Março, apoia a realização de estágios profissionais em PME’s – Pequenas e Médias Empresas, de jovens com idade até aos 35 anos, com qualificação superior em áreas de educação e formação relevantes para a inovação e a gestão dessas empresas.

Os estágios têm a duração de 12 meses, incluindo um mês de férias, sendo concedido ao estagiário uma bolsa de estágio mensal, no montante equivalente a duas vezes o valor base dos Apoios Sociais.

Desta remuneração, a comparticipação pública é de 60 por cento, cabendo à empresa beneficiária o pagamento de apenas 40 por cento da bolsa de formação, sem nenhum outro encargo acrescido. Despesas com o seguro de acidentes de trabalho, o subsídio de alimentação, o subsídio de alojamento ou despesas de transporte são igualmente suportadas na totalidade pelo Programa.

A comparticipação pública poderá chegar aos 20 por cento, caso o estagiário seja portador de deficiência, e de 10 por cento se o estagiário pertencer a um género não preponderante, em profissões significativamente marcadas por discriminação de sexo.

As empresas beneficiárias têm de designar um orientador de estágio, o qual é responsável pela execução e acompanhamento do plano individual de estágio. Os orientadores de estágio exercem, preferencialmente, na empresa funções de administração ou direcção, e recebem uma compensação financeira no valor de 20 por cento do valor base dos Apoios Sociais, por estagiário.

A AEBA coloca-se à disposição dos seus associados para apoiar, no processo de candidatura, estes estágios profissionais, no âmbito do INOV-JOVEM.