No final da partida com o Vilanovense, que carimbou a manutenção do Atlético Clube Bougadense na Divisão de Honra da Associação de Futebol do Porto, Adalberto Maia, presidente do emblema de Santiago de Bougado, estava bastante satisfeito com o objectivo cumprido e com o trabalho realizado pelos jogadores.

 "Todos os objectivos que planeamos neste cinco jogos foram cumpridos, foram autênticas batalhas para conseguirmos garantir a manutenção. E tivemos estes grandes jogadores que foram uns verdadeiros guerreiros, referiu".

O presidente também não esqueceu os adeptos, a quem agradeceu "todo o apoio num momento muito difícil" e anunciou que gostaria de ver Agostinho Lima no comando da equipa por mais uma temporada.

Sem querer falar a continuidade de jogadores, o presidente referiu que "é tempo para festejar e só na próxima semana se começa a pensar na próxima época".