A ADAPTA – Associação para a Defesa do Ambiente e do Património na Região da Trofa organizou, durante a manhã de domingo, a Rota dos Anfíbios em Covelas, que contou com a participação de 30 pessoas.

O “mau tempo” não demoveu os 30 participantes, das “diversas faixas etárias”, de percorrerem a Rota dos Anfíbios em Covelas.

Durante o percurso, que começou na Capela de S. Gonçalo, foi possível verificar “uma represa de água”, nos montes de Covelas, que serve para “o combate a incêndios florestais, passando pelo antigo complexo Lar do Imigrante e por “um ribeiro com características únicas no concelho”, que serve de “’casa’ a uma fauna ainda abundante e que é preciso preservar”.

Segundo Pedro Daniel Costa, presidente da ADAPTA, apesar das “condições climatéricas”, a atividade teve uma balanço “positivo”, realçando “ a boa disposição e o interesse dos participantes” em conhecer uma das freguesias.

Leia a reportagem completa na edição desta semana d’ O Notícias da Trofa, disponível num  quiosque perto de si ou por PDF.

{fcomment}