Meninos Cantores do Município da Trofa assinalaram o 12º aniversário com um concerto, em S. Martinho de Bougado.

O Dia Mundial da Música tem um sabor ainda mais especial para os Meninos Cantores do Município da Trofa (MCMT). É que o 1 de outubro também assinala o aniversário deste projeto trofense que nasceu há 12 anos.

O grupo preparou um concerto de aniversário, no auditório da Junta de Freguesia de S. Martinho de Bougado, que também contou com as vozes do Coro Infantil da Universidade de Lisboa.

Na primeira parte do concerto os Meninos Cantores fizeram a apresentação da obra a estrear no dia 19 de novembro, dia do aniversário do concelho da Trofa, intitulado “Amílcar, consertador de búzios calados”, obra vencedora do Concurso Lusófono da Trofa 2010. Esta peça tem texto e música de Mário Alves e direção de Antónia Maria Serra.

“Quem tem farelos”, “The Joiku” (J. Linkola), “Neige sur les orangers” (M. Ohana) e “Dancing – Song” (Z. Kodály) foram alguns dos temas entoados pelo Coro Infantil da Universidade de Lisboa na segunda parte do concerto, dando um brilho ainda mais especial ao aniversário dos MCMT.

E para terminar em beleza nada como uma interpretação em conjunto: Meninos Cantores e Coro Infantil cantaram o “Cirandeiro”, convidando o público a cantar e a dançar.

Na tarde de 1 de outubro, o grupo trofense teve oportunidade de cantar “Os Parabéns” e apagar as 12 velas do bolo de aniversário.

A Câmara Municipal considera este projeto “muito importante”, já que “possibilita a crianças de todas as freguesias do concelho integrarem de forma gratuita um coro infantil, tendo assim contacto com a música, o canto e a cultura musical portuguesa e internacional”.

Segundo a autarquia, 200 espectadores encheram o auditório para assistir ao concerto.

Os MCMT têm já um longo repertório de atuações nas freguesias do concelho da Trofa, mas também em Viana do Castelo, Paredes de Coura, Porto, Lisboa, Vila Nova de Cerveira, Guimarães e Forcarei (Espanha). Já representaram Portugal no Coro Infantil Lusófono, um projeto que envolveu crianças provenientes de todos os países de Língua Portuguesa, em 2001. Antónia Serra é a maestrina do grupo.

 

{fcomment}