A vitória é o único resultado que interessa ao Trofense na próxima jornada do campeonato. Um objectivo credível, mas difícil, não fosse o adversário o já tetracampeão Futebol Clube do Porto. A equipa da Trofa sabe das dificuldades em conseguir um resultado positivo frente aos “dragões”, mas não “baixa as armas” enquanto for possível lutar pela manutenção.

Em antevisão ao jogo, Tulipa afirmou ao NT/TrofaTv que a recepção ao FC Porto está a ser preparada “da mesma forma que os outros jogos”, ou seja, com “o máximo de responsabilidade e concentração”.

As alterações forçadas que Jesualdo Ferreira terá que fazer ao plantel, com os castigos de Fucile, Raúl Meireles e Cissokho, e com as possíveis entradas de jogadores menos rodados são encaradas com cautela pelo técnico da Trofa que alerta “estes às vezes criam surpresa e situações de jogo inesperadas”.

Apesar de já ter conquistado o tetracampeonato, o Porto não vem à Trofa em passeio e Tulipa está convencido que os azuis e brancos vão ” fazer tudo para vencer”.

“Precisamos de toda a nossa energia, de toda a nossa concentração, de todo o nosso empenho para levar de vencido o Porto”, afirmou. Para isso a equipa deverá ter a mesma atitude que teve nos últimos dois jogos e que permitiu alcançar quatro pontos importantes. O facto de o Trofense ter os melhores resultados com equipas mais fortes (é a equipa do campeonato que mais pontos roubou aos “grandes”) explica-se com o “elevado nível de concentração” dos jogadores. “Nesses jogos o treinador quase não tem que fazer o apelo da concentração e é muito mais fácil conseguir material do adversário, enquanto que contra uma equipa que luta pelos mesmos objectivos que os nossos não temos tanto visionamento desses adversários e a igualdade do plantel leva-nos a pensar que o grau de dificuldade é menor, o que não é verdade”, referiu.

tulipa-antevisao-jogoporto

Com um boletim clínico quase sempre em acção durante as últimas semanas, o principal obstáculo de Tulipa é conseguir ter um jogador para a ala esquerda. No entanto, Paulinho, que tem colmatado esta lacuna, tem tido uma desempenho “muito bom”, na opinião do técnico.

E se o Trofense precisa de uma equipa coesa para vencer o FC Porto, o apoio da massa associativa da Trofa também se torna elemento imprescindível para ajudar a conquistar esse objectivo.

“Isso tem acontecido, a participação do público tem sido grande, a nossa massa associativa tem participado no apoio à equipa, somos das equipas que mais gente leva quando nos deslocamos ao reduto dos nossos adversários e há por parte dos habitantes da Trofa uma grande dedicação e um grande apoio à nossa equipa”, afirmou Tulipa.

Já Reguila não pensa noutro resultado que não a vitória. “Temos noção que vai ser um jogo muito difícil para nós, vamos defrontar o campeão, mas também temos as nossas armas e como tal vamos fazer tudo para conseguir a vitória que é o único resultado que nos interessa”, referiu o avançado.

Os últimos resultados “moralizaram o grupo” e agora a garantia é de que a equipa “vai fazer tudo o que está ao seu alcance” para conseguir o objectivo da manutenção.

O jogo com o Futebol Clube do Porto está marcado para as 19.45 horas de sábado e tem transmissão televisiva em directo na SportTv1. Todos os incidentes da partida e declarações dos técnicos podem, posteriormente, serem vistos na TrofaTv.