O Trofense empatou (1-1) hoje com o Estrela da Amadora, num jogo em que chegou a estar em desvantagem, da 20ª jornada da Liga portuguesa de futebol, disputado na Trofa.

A equipa orientada por Tulipa vinha de uma vitória suada fora de portas (1-0 com o Vitória de Guimarães) e entrava em jogo com a missão de não deixar fugir muito os seus adversários directos na luta pela manutenção.

Já o Estrela da Amadora procurava consolidar a sua posição no meio da tabela e conquistar uma vitória fora, algo que já não acontece desde a quarta jornada, na Madeira, frente ao Nacional (1-2).

Jardel (10 minutos) colocou a turma de Lázaro Oliveira a ganhar, mas Charles Chad fez o empate (aos 70).

O Trofense foi quem primeiro criou perigo com Miguel Ângelo a atirar por cima da barra, após canto de Areias, tinham decorrido cinco minutos de jogo.

Mas a sorte acabou por sorrir ao conjunto visitante que inaugurou o marcador, aos dez minutos, por intermédio de Jardel.

A jogada começou na esquerda com Varela a combinar bem com Ney Santos que deixou seguir para o médio brasileiro que aproveitou a total desatenção da defesa trofense.

A perder por uma bola, a equipa da Trofa começou a procurar o golo do empate, continuando a descurar o aspecto defensivo e permitindo alguns momentos de aflição ao guarda-redes Marco, mas os lances de maior perigo, antes do intervalo, até pertenceram aos da casa.

Primeiro foi Valdomiro quem cabeceou por cima, na sequência de um livre cobrado por Areias (32 minutos), seguiu-se uma tentativa de Reguila que rematou de frente para a baliza contra o corpo de Nélson (38).

A segunda parte começou com o remate forte do suplente Pinheiro que deixou o guardião do Estrela da Amadora em apuros, obrigando-o a socar para a frente de qualquer maneira (48 minutos).

Depois deste primeiro aviso, o Trofense continuou a rondar a área adversária, mas até foi o Estrela que esteve mais perto de aumentar a vantagem, aos 68 minutos, por culpa de Delfim que, ao atrasar para Marco, entregou a bola a Anselmo que, tendo corredor aberto e isolado de frente para a baliza, permitiu a defesa, em “carrinho”, do guarda-redes da casa.

O golo do empate, protagonizado por dois brasileiros, acabou por surgir aos 70 minutos: Paulinho cruzou, Hugo Gomes deixou que a bola passasse para a pequena área, e Charles Chad empurrou para o fundo das redes.

Aos 79 minutos, o Trofense teve uma óptima oportunidade para fazer o segundo e decidir a partida, mas o cabeceamento de Valdomiro encontrou pela frente Nélson que fez a defesa da tarde e salvou o empate.

Depois foi a vez do Estrela da Amadora tentar voltar ao comando da partida, mas o remate forte de Celestino bateu na barra, aos 85.

Ficha do Jogo:

Jogo no estádio do CD Trofense, na Trofa.

Trofense – Estrela da Amadora, 1-1.

Ao intervalo: 0-1.

Marcador:

0-1, Jardel, 10 minutos.

1-1, Charles Chad, 70.

Equipas:

– Trofense: Marco, Paulinho, Miguel Ângelo, Valdomiro, Areias, Milton do Ó, Rui Borges (Pinheiro, 46), Delfim (Dágil, 69), Hélder Barbosa (Varela, 83), Charles Chad e Reguila.

(Suplentes: Paulo Lopes, Lipatin, Varela, Pinheiro, Sidney, Dágil e Zamorano).

– Estrela da Amadora: Nélson, Hugo Gomes, Nuno Coelho, Tengarrinha, Ney Santos, Fernando Alexandre, Goianira, Moreno, Jardel (Celestino, 75), Silvestre Varela e Anselmo (Rui Varela, 71).

(Suplentes: Filipe Mendes, Pedro Pereira, Marco Paulo, Rui Varela, Vítor Vinha, Nelson Pedroso e Celestino).

Árbitro: Augusto Costa (Aveiro).

Acção disciplinar: cartão amarelo para Areias (55), Hélder Barbosa (79), Celestino (88) e Varela (90+3).

Assistência: 4.038 espectadores.