A festa de Natal da TrofaSenior Residências, no sábado, 17 de dezembro, contou com sala cheia de residentes e familiares.

A peça de teatro protagonizada pelos residentes da TrofaSenior Residências foi o mote para a festa de Natal, que contou com uma sala cheia, a fazer lembrar uma grande família. É este o objetivo destas iniciativas dos responsáveis deste empreendimento, que querem que “a família seja lembrada todos os dias”, assim como o Natal deve ser. “Queremos que os nossos residentes estejam bem dispostos, que tenham muita saúde. É para isso que trabalhamos”, afirmou Alfredo Gomes, presidente do Conselho de Administração.

Durante a festa, o responsável pelas residencias fez questão de lançar um repto, perante uma sala atenta: “Somar amigos, subtrair inimigos, multiplicar alegrias e dividir tristezas”. Esta é uma das máximas para 2012, que Alfredo Gomes pretende ver aplicada na TrofaSenior Residências. Para além do teatro dos residentes, também alguns familiares fizeram questão de surpreendê-los com outra peça cómica e que pôs a sala a rir, antes da atuação solene do Orfeão Famalicence, que animou o espaço com canções de Natal.

Depois, o palco improvisado, ao lado da árvore de Natal e o presépio, empenhadamente enfeitados, foi do Conjunto Típico do Val, que cantou durante o jantar. Segundo Marta Paulino, diretora técnica da TrofaSenior Residências, estas iniciativas “são importantes”, porque elevam o propósito da TrofaSenior Residências, que é “direcionada para a família e como tal são necessários sempre novos elementos para acrescer à família”.

Como “verdadeiros atores”, os residentes que protagonizaram a peça de teatro “estavam nervosos”, mas foram preparados “com muito empenho pela equipa de animação sóciocultural e de todos os residentes que quiseram participar de uma forma mais ou menos autónoma”.

{fcomment}