No dia de aniversário do presidente do clube, a equipa do Futebol Clube S.Romão presenteou o líder da actual direcção com uma vitória por duas bolas a uma, contra o Ramaldense.

O passado fim-de-semana colocou dentro das linhas do Campo “Carlos Alves” o S.Romão a defrontar o Ramaldense.

A equipa da casa entrou nesta 18ª jornada com vontade de conquistar três pontos. Aos seis minutos de jogo, um livre marcado por Martins coloca o marcador com uma vantagem de um golo para a equipa da casa.

Com o marcador a favor do S.Romão, o jogo decorreu com um desempenho muito equilibrado de ambas as equipas. Quando o cronómetro marcava vinte e um minutos gera-se algum medo na baliza do S.Romão, situação está que não culminou em golo pela rapidez de Barbosa que retira a bola de perto da linha de baliza.

O segundo golo do S.Romão surgiu aos trinta e dois minutos, através de Vitó que cabeceia a bola para as redes do Ramaldense.

O jogo vai se manter com uma vantagem de dois golos para a equipa da casa até ao fim da primeira parte, com o S.Romão a segurar o resultado e tentar acentuar ainda mais a diferença de golos.

Os primeiros vinte minutos da segunda parte não trazem grandes situações de perigo para ambas as equipas, mas ao minuto setenta o Ramaldense vai chegar ao seu primeiro golo. Na sequência de uma falta na área do S.Romão é atribuído um penalty à equipa visitante, no qual Diogo consegue rematar a bola para dentro da baliza de Quim Mário, diminuindo assim a diferença de golos entre as duas formações.

A marcação do golo pelo Ramaldense trás algum ânimo à equipa visitante, que vai tentar igualar o resultado, mas sem efeito, acabando o jogo com o resultado de 2-1.

Em conversa com o NT, Armando Santos afirmou que era uma vitória merecida e bem desejada. “Estávamos a precisar de uma vitória para animar e esforçamo-nos por consegui-la, como um presente de aniversário ao nosso presidente”. “Não foi um jogo muito bonito a nível técnico, mas as condições de treino está semana também não foram as mais favoráveis, uma vez que o surto de gripe impediu alguns atletas de treinarem”.

Questionado acerca da sua primeira vitória ao comando do S.Romão, Armando Santos afirmou que “ainda há muito para trabalhar. A vitória dará outro ânimo para cumprirmos o nosso objectivo de subir alguns lugares na tabela classificativa”.

O treinador da formação do Ramaldense revelou ter sido um bom jogo. “Temos algumas dificuldades, ao nível do número reduzido de elementos do plantel, mas tentamos fazer o nosso melhor. Vínhamos com vontade de alcançar os três pontos, mas infelizmente não o conseguimos”, finalizou.

II Divisão Distrital

18ª Jornada

S.Romão: Quim Mário, Carvalho, Martins, Barbosa (C), Raimundo, Vitó (Joca, 62’), Daniel, Miguel, Vítor Lopes (Ruisinho, 2ª parte), Imã (Pepe, 70’) e Baixo.

Suplentes: Jorge, Soares, Alex e Parreco

Treinador: Armando Santos

Ramaldense: Pedro, Silvério, Tó, Guimarães, Ricardo (Tomás, 79’), Borges, Valter, Renato (Paulo, 35’), Rui (C), Diogo e Ivan

Suplentes: Nuno

Cartões Amarelos: Renato, Miguel, Guimarães, Vítor Lopes e Martins

Resultado ao intervalo: 2-0

Resultado final: 2-1