quant
Fique ligado

Edição 756

Sócios solicitam assembleia para saberem situação financeira do Trofense

Além de quererem tomar conhecimento da situação financeira do clube, os subscritores reivindicam “uma clarificação cabal sobre o entendimento entre o Clube e a SAD”.

Publicado

em

Desagradados com a “fase em que o clube tem vindo a passar”, concretamente as camadas jovens e modalidades, um grupo de sócios do CD Trofense solicitaram ao presidente da mesa da assembleia a marcação de uma reunião extraordinária da assembleia-geral para prestação de contas.

“Da época passada para esta, as camadas jovens perderam quase metade dos atletas para clubes vizinhos e o futsal feminino deixou de existir. Em cima disso, o complexo desportivo de Paradela está num estado de degradação e falta de manutenção que envergonham qualquer trofense”, referiu um dos sócios subscritores do pedido, que acrescenta ainda o facto de “ainda não terem sido apresentadas as contas da época passada, nem foi aprovado o orçamento da época corrente”.
No pedido enviado “por carta registada” ao presidente daquele órgão do clube e ao qual o NT teve acesso, os 30 proponentes fundamentam que “na última Assembleia Geral Ordinária não houve lugar” à apreciação e votação do “relatório de contas da última gerência e o respetivo parecer o conselho fiscal e de disciplina”.
Além de quererem tomar conhecimento da situação financeira do clube, os subscritores reivindicam “uma clarificação cabal sobre o entendimento entre o Clube e a SAD, na tentativa de garantir que o mesmo se encontra a ser integralmente cumprido por ambas as partes”.
Por isso, exigem que na ordem de trabalhos seja apresentado “o memorando de entendimento entre o Clube Desportivo Trofense e a SAD”, bem como de “evidências de que este se encontra a ser honrado”.
No “âmbito desportivo”, pode ler-se no pedido, são levantadas outras questões que os subscritores querem ver esclarecidas, como “o motivo que levou a que uma grande parte dos jogadores jovens do Clube abandonasse o mesmo, no início da presente época desportiva, integrando os escalões de formação de clubes vizinhos”, “o que levou ao fim da equipa de futsal feminino do Clube, no início da presente época” e “os planos do Clube para reabilitação do Complexo Desportivo de Paradela, cujo relvado sintético se encontra em condições degradantes, quando comparado com a realidade concelhia e distrital”.

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também