sef-arquivo-lusaO Serviço de Estrangeiros e Fronteiras desencadeou, na madrugada de quarta-feira, uma operação destinada ao cumprimento de mandado judicial de busca a estabelecimento de diversão nocturna, em Ribeirão, Vila Nova de Famalicão, no âmbito de inquérito onde são investigados os crimes de auxílio à imigração ilegal e lenocínio.

De acordo com fonte do SET foram identificados 34 cidadãos, dos quais 15 estrangeiros, tendo-se procedido à detenção, pela prática, em flagrante delito, do crime de lenocínio, de 3 cidadãos (dois portugueses e uma cidadã estrangeira), que exploravam aquele estabelecimento.

Dos cidadãos estrangeiros identificados foram ainda detidos 6 por permanência irregular em território nacional (5 mulheres e 1 homem).

Procedeu-se à apreensão de 600 euros, inúmeros documentos e material relacionado com a prática dos crimes, tendo o estabelecimento sido encerrado e selado.