quant
Fique ligado

Ano 2012

Rui Veloso no Coliseu do Porto Foto-Reportagem

Publicado

em

Rui Veloso veio ao Porto, há casa que já conhece de cor, o coliseu. Com uma casa esgotadíssima, tanto que houve direito a um segundo concerto, o músico fez questão de passar em revista os seus temas mais antigos, com arranjos diferentes e com uma envolvência a puxar ao jazz, misturado com o seu já conhecido jeito para o blues.

Bem acompanhado por uma trupe de excelentes músicos, num concerto que onde esteve sentado á guitarra, o andamento não foi de um concerto pop-rock, mas sim de uma cadência mais compassada, sem pressas e a curtir os momentos de elevada qualidade musical.

O músico fez jus á sua fama de excelente performer, mas deu oportunidade a outros de demonstrarem a sua técnica, como Ricardo Silva numa excelente harmónica, o guitarrista Afonso Pais e o também guitarrista Hugo Correia dos Fado Morse.

A sala quase veio abaixo em “Porto Sentido” cantado até às goelas pelo público, que também fez um excelente coro em “Paixão” ou “Chico Fininho”.

Percorrendo os seus já 32 anos de Carreira, Rui Veloso tirou alguns temas do baú que já tinham quase ficado esquecidos na memória, mas que depressa arrancavam o público das cadeiras.

No meio de um concerto de muitas canções que fazem a carreira de Rui Veloso, este fez questão de relembrar o autor de grande parte das suas letras, Carlos Tê, que faz parte da carreira do músico e deu alma a muitos dos seus êxitos.

Publicidade

Para o final ficou uma versão de “Chico Fininho” com todos os músicos em palco, cheio de influências jazzisticas trazidas por Afonso Pais e de uma harmónica soberba de Ricardo Silva.  

O concerto acabou em delírio com “Não há estrelas no Céu”, o eterno hit do álbum “Mingus e os Samurais”, com a certeza de um concerto agradável, a puxar para o concerto de família, com uma vasta plateia muito heterogénea em termos de idade e de género.

Um bom concerto, de um músico que já não precisa de provar nada e que no fundo, cada regresso a casa é um festa, como ele próprio disse, a mote do público, “Pooorto” e isto diz tudo.

 

Texto: Ângelo Ferreira

Fotos: Miguel Pereira

Fotogaleria (clica nas imagens para aumentar)
   

   

    

Publicidade
Continuar a ler...
Publicidade
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Ano 2012

Verbas da Câmara para as obras da Junta tema da Assembleia

Publicado

em

Por

Na sessão ordinária de dezembro da Assembleia de Freguesia de S. Romão foram aprovados o Plano de Atividades e Orçamento para 2013.
Informação sobre a reunião do executivo e membros da Assembleia de Freguesia com Joana Lima sobre as “transferências deliberadas em maio de 2009 e destinadas à remodelação da Casa Quinta de S. Romão” provocou divergências.

(mais…)

Continuar a ler...

Ano 2012

Assembleia de S. Mamede – Documentos previsionais aprovados com abstenção do PSD

Publicado

em

Por

Na sessão ordinária da Assembleia de Freguesia de S. Mamede do Coronado foram aprovadas, com a abstenção do PSD, as propostas para o Plano de Atividades, PPI, Orçamento e Mapa de Pessoal para 2013.

O Plano de Atividades, o Plano Plurianual de Investimentos (PPI), Orçamento e Mapa de Pessoal para 2013 estiveram em discussão na última Assembleia de Freguesia de S. Mamede do Coronado, que decorreu na quinta-feira, dia 20 de dezembro.

(mais…)

Continuar a ler...
EuroRegião Talks

Inscrições EuroRegião Talks

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também