O atleta trofense Rui Pedro Silva venceu, pela quarta vez consecutiva, a corrida S. Silvestre do Porto.

 O benfiquista Rui Pedro Silva foi o primeiro atleta a terminar os dez quilómetros de percurso da 19ª edição da corrida S. Silvestre do Porto. A corrida, que se realizou no dia 16 de dezembro, contou com cerca de dez mil participantes.

A prova, com partidas e chegadas junto à Câmara Municipal do Porto, teve apenas uma volta. Vinte e nove minutos e 16 segundos foi quanto o cronómetro apontava no final da prova de Rui Pedro Silva, que lhe valeu a vitória.

Para o atleta trofense, esta prova foi “a mais difícil de todas”, tendo que ir buscar “as poucas forças que tinha”, para terminar em 1º lugar. “Estive lesionado e entrar logo numa prova forte não é fácil. Tive que sofrer muito nos últimos três quilómetros para conseguir ganhar”, afirmou.

Esta foi a quarta vitória consecutiva do atleta na S. Silvestre do Porto, o que, para si, é “bom” e um “orgulho”, considerando que esta prova é “uma das melhores” a nível nacional.

O pódio completou-se com os dois atletas do Benfica, Alberto Paulo e Bruno Jesus, que se classificaram a dois e a nove segundos depois, respetivamente.

Já em femininos, a sportinguista Catarina Ribeiro foi a vencedora, terminando a prova aos 33.40 minutos, derrotando as atletas individuais Inês Monteiro (33.57) e Sara Pinho (34.00).

À semelhança do que aconteceu o ano passado, a prova não contou com a presença de atletas estrangeiros. Contudo, segundo Jorge Teixeira, organizador do evento, “esta edição bateu recordes de participações”.

{fcomment}