arquivo

As Festas em honra de Nossa Senhora das Dores são uma das imagens de marca do concelho.

Depois das eliminatórias do Concurso de Bandas de Garagem que decorre até 29 de julho, segue-se um Festival de Folclore, no dia 30 de julho a partir das 15 horas. Nesta tarde vão atuar o Rancho Folclórico da Trofa, o Rancho da Junta de Freguesia de Alcochete, o rancho As Carvalheiras de Argival (Póvoa de Varzim), o Grupo de Danças e Cantares de Santiago de Bougado, o Rancho Folclórico de Paços de Sousa (Porto) e o Rancho Folclórico da Casa do Povo da Aguçadoura (Póvoa de Varzim).

Dias 30 e 31 de julho e de 4 a 10 de agosto, às 21.30horas, vão decorrer as eliminatórias do 2º Festival da Canção da Trofa. Já no dia 11, às 22 horas, vai ter lugar a final do Concurso de Bandas de Garagem. No dia seguinte, vai decorrer a finalíssima da 2ª edição do Festival da Canção.

No sábado, 13 de agosto, às 22.30 horas realiza-se uma serenata a Nossa Senhora e começam também as cerimónias religiosas do programa das festas, com a celebração de missa, na Igreja Matriz, às 21 horas, seguida de procissão de velas em honra de Nossa Senhora das Dores. O Septenário decorre até dia 20 de agosto, às 19.30 horas, com exceção do último dia que começa às 8 horas. No domingo,14 de agosto, tem início o Septenário em honra da santa, às 15 horas. Às 16 horas, está agendado um cortejo de oferendas. A noite vai ficar marcada por um novo festival de folclore, com a presença do Grupo Etnográfico Danças e Cantares do Minho (Lisboa), do Rancho Folclórico Danças e Cantares de Vale do Paraíso (Azambuja), do Rancho Folclórico da Casa do Povo do Livramento (Açores), do Grupo de Baile Xaréu d’Ochobre (Avilés – Espanha) e ainda um Ranchoda Lituânia.

Segunda-feira, dia 15, atua o Grupo Coolmeia, às 22 horas. À mesma hora, na terça-feira, vão ter lugar os Cantares ao Desafio e no dia seguinte, também às 22 horas, os sons da Banda de Música da Trofa vão ecoar no Parque de Nossa Senhora das Dores. Já na quinta-feira, a música popular vais ser rainha, com o grupo Sons e Cantares do Ave. O maior espetáculo das Festas em honra de Nossa Senhora das Dores, com Mikael Carreira, realiza-se no dia 19 de agosto, às 22 horas. No sábado, os Zés Pereiras marcam o arranque do fim de semana grande da romaria, às 9 horas. Às 15 horas, no Largo de S. Martinho, está prevista a entrada da Banda de Música da Trofa e da Banda de Música de Amares. À meia noite, o programa prevê uma sessão de fogo de artifício. Domingo começa com uma missa por todos os benfeitores da Trofa, às 8.30 horas. Uma hora depois, a Banda de Música da Trofa e a Banda Musical de Vilela fazem a sua entrada no Largo Costa Ferreira. Ao meio dia, realiza-se a Missa Solene em honra de Nossa Senhora das Dores. Já às 17 horas, tem início a procissão em honra da santa e às 18.30 horas continua a atuação das bandas de música. O dia termina com uma sessão de fogo preso e a largada de cinco vacas de fogo.

No dia 22 de agosto, ao alvorecer começa a Feira das Sementes. Às 8.30 horas, será celebrada eucaristia. Às 9.30 horas, no Largo Costa Ferreira, vão dar entrada as bandas de música da Trofa e de Freamunde. À noite, às 21.30 horas, atua a banda vencedora do concurso de bandas de garagem.

O último dia das festas, terça-feira, começa às 8.30 horas com celebração de missa. Às 15 horas, está previsto um cortejo de oferendas, com a participação do Rancho das Lavradeiras da Trofa. O encerramento das festas está previsto para as 20 horas.

{fcomment}