A Guarda Nacional Republicana, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) do Porto, deteve, ontem, um homem de 43 anos, no concelho da Trofa, por violência doméstica.

“No âmbito de uma investigação por violência doméstica no concelho da Trofa, os militares da Guarda apuraram que o suspeito de 43 anos, com antecedentes criminais por violência doméstica e condução sob o efeito do álcool, movido por ciúmes, agrediu, injuriou e ameaçou de morte a vítima, de 42 anos, com a qual tinha uma relação há dois anos”, deu conta a Guarda, em comunicado.

Mais recentemente, a vítima teve mesmo de fugir e pedir ajuda a amigos, levando à detenção do suspeito, “consumidor habitual de bebidas alcoólicas”.

Presente no Tribunal de Instrução Criminal de Matosinhos, para primeiro interrogatório, o detido foi sujeito às medidas de coação de afastamento e proibição de se aproximar da vítima, proibição de contactar com ela por quaisquer meios ou formas, proibição de frequentar os locais frequentados por esta, não se podendo aproximar num raio de 500 metros, controlado por pulseira eletrónica.