Conhecer de perto a realidade trofense, do ponto de vista cultural, desportivo e empresarial e estabelecer intercambio entre os dois municípios foram alguns dos objectivos da visita de três dias da comitiva francesa. Alain Bays, presidente do município francês propôs a Bernardino Vasconcelos uma geminação para estreitamento de laços com a Trofa e revelou que "10 por cento da população de Gueugnon é de origem portuguesa".

   Casa da Cultura, Souto de da Lagoa e Castro de Alvarelhos foram apenas alguns dos pontos turísticos que a comitiva francesa, composta pelo presidente da Camara de Gueugnon, pela vereadora da Cultura e por representantes das Associações de Portugueses a viver naquele concelho francês, visitaram, durante a estadia de três dias na Trofa.

Bernardino Vasconcelos, presidente da Câmara Municipal da Trofa recebeu a comitiva francesa na tarde de sexta-feira no edifício sede da autarquia e durante o encontro fez um pequeno resumo da historia do concelho, desde a sua criação, há apenas 9 anos, caracterizando-o do ponto de vista empresarial, cultural, desportivo e histórico.

Trofa e Gueugnon têm muitos pontos comuns "a nível empresarial, com muita industria no sector da metalomecânica, e transformação de aço inoxidável, assim como na área cultural e à semelhança da Trofa, que possui o Castro de Alvarelhos, existe no concelho francês uma estação arqueológica", frisou Bernardino Vasconcelos, durante a recepção.

Por seu lado Alain Bays, deu a conhecer um pouco da origem e da realidade de Gueugnon, com especial enfase nas industrias de aço, nas actividades agrícolas, nomeadamente a criação de animais de raça Charolesa, assim como a forte presença portuguesa naquele município francês com apenas 20 mil habitantes.

O autarca francês foi acompanhado por membros das Associações de Portugueses residentes naquele concelho, a Association Culturelle e Sportive des Portugais de Gueugnon e L'Amicale Portugaise Européenne que realçaram o papel sobretudo dos Grupos Folcloricos na difusão da cultura portuguesa e trofense, dando especial relevo ao Rancho Folclórico da Trofa que participou num festival de folclore neste concelho francês.

Os dois autarcas demonstraram vontade em estabelecer protocolos de cooperação aos mais diversos níveis que possam "vir a culminar numa geminação entre os dois concelhos", frisou Bernardino Vasconcelos.

Na manhã de sábado a comitiva foi recebida pelos técnicos da autarquia na Casa da Cultura da Trofa onde visitaram a exposição da Casa da Torre da Maganha, ficaram ainda a conhecer o Arquivo Municipal e o Centro Digital de Informação Local, assim como a Biblioteca Municipal.

Bernardino Vasconcelos almoçou num restaurante da cidade com o seu homologo francês, com os representantes das Associações de portugueses assim como com o presidente do Rancho Folclorico da Trofa, Alcino Paixão, relembrando os momentos passados por esta colectividade trofense em terras de Gueugnon.

Alain Bays convidou o edil trofense a visitar no próximo mês de Novembro o seu concelho, como forma de retribuição pelo acolhimento dado pelos trofenses nesta visita.