quant
Fique ligado

Religião

Padre Simão Pedro na organização de ciclo de conferências sobre diálogo

Publicado

em

Começa, hoje, mais um ciclo de conferências promovido pelos Institutos Missionários Ad Gentes (IMAG) e os seus animadores (ANIMAG), um dos quais o trofense padre Simão Pedro. A iniciativa “À escuta do diálogo”, desenvolvida em parceria com as Obras Missionárias Pontifícias (OMP), arranca às 21h00, com a primeira conferência, com o tema “Escutar” e Franco Sottocornola e Maria De Giorgi, fundador e vice-presidente do Centro de Diálogo Inter-religioso Shinmeizan, como oradores.

As restantes quatro conferências realizam-se nas próximas quintas-feiras do mês de outubro, dias 7, 14, 21 e 28, às 21h00, por videoconferência.

Paulo Borges, da União Budista Portuguesa, vai dissertar à volta do tema “esvaziar-se”, enquanto Diana Palanca, especializada em formação e assessoria intercultural, aborda o tema “encontrar-se”, no dia 14.

“Dialogar” é o verbo que vai ser esmiuçado pelo xeque David Munir, imã da Mesquita Central de Lisboa, no dia 21, e “refazer-se” encerra o ciclo de conferências com o presidente dos IMAG, padre Adelino Ascenso, a 28 de outubro.

Continuar a ler...
Publicidade

Edição 768

Procuram-se figurantes para procissão da Senhora das Dores

Adultos, crianças e adolescentes estão “convidados” a participar, recebendo cinco euros como “forma simbólica de agradecimento”.

Publicado

em

Por

A paróquia de S. Martinho de Bougado está à procura de figurantes para integrarem a majestosa procissão em honra de Nossa Senhora das Dores, que se realiza em agosto. Adultos, crianças e adolescentes estão “convidados” a participar, recebendo cinco euros como “forma simbólica de agradecimento”.
Os interessados podem formalizar a inscrição no cartório paroquial, situado junto à Igreja Matriz de S. Martinho, às terças e quintas-feiras, das 09h00 às 12h30, ou às quartas e sextas-feiras, das 15h00 às 19h00. O contacto telefónico é o 252 412 883.
“Contamos com o seu apoio no relançamento destas grandiosas festas”, apelou a paróquia, numa mensagem dirigida a toda a comunidade.

Continuar a ler...

Edição 767

Senhora do Coração Orante foi concebida por santeiro de S. Mamede

Uma mulher suplicante de joelhos com o coração na mão. A imagem representa a Senhora do Coração Orante, uma nova figura mariana que pertence ao Movimento da Mensagem de Fátima da Arquidiocese de Évora.

Publicado

em

Por

Uma mulher suplicante de joelhos com o coração na mão. A imagem representa a Senhora do Coração Orante, uma nova figura mariana que pertence ao Movimento da Mensagem de Fátima da Arquidiocese de Évora.
Destinada a uma capela a construir em Montargil, a imagem foi concebida em S. Mamede do Coronado, pelas mãos do artista santeiro Augusto Ferreira.
No dia 31 de maio, a estátua foi apresentada em Fátima, com a presença do escultor mamedense, que explicou o processo de construção. “Falando tecnicamente, é um processo que, no início, se desenvolve com um trabalho em barro, para resolver alguns detalhes técnicos e medidas canônicas, por aí fora, até chegarmos ao trabalho final, no qual tivemos de dar tudo por tudo, para conseguir passar para a matéria-prima tudo aquilo que está na cabeça. Eu acho que não se atinge certos níveis de ‘perfeição’, que não é a do lado técnico nem do lado estético, mas sim a perfeição que é aquela conseguir fazer com que, de facto, o crente perceba a mensagem que está ali”, explicou aos jornalistas.
Integrante da campanha de oração pelas intenções do Papa, a estátua foi apresentada ao público, em Fátima, no encerramento do mês dedicado à virgem Maria, num momento que contou com distribuição de réplicas e do folheto da novena da devoção à Senhora do Coração Orante.
A apresentadora de televisão Fátima Lopes é uma das embaixadoras da campanha de oração e elogiou a “beleza” e “doçura” da imagem. O mesmo fez o Papa Francisco, que benzeu a estátua, em outubro de 2021, num momento em que ressalvou a importância de sempre rezar pelo santo padre e de que o terço é a oração universal.
A ideia de criar a Senhora do Coração Orante, que já esteve em momentos de oração na cela de irmã Lúcia e no santuário de Fátima, surgiu a partir do centenário da imagem peregrina da Capelinha das Aparições e da morte de Jacinta.
“Ela é a Senhora de Fátima, só que representa a vida de todos os peregrinos. Quando vão a Fátima e à Capelinha das Aparições, eles têm o objetivo de pedir ou agradecer e fazem-no sempre através da oração e é tão interessante perceber que, quando chegamos à capelinha, Nossa Senhora já reza connosco e está de joelhos para levar as nossas orações a Deus”, explicou o padre João Luís Silva, pároco de Montargil.

“É uma imagem carregada de doçura. Quando nós a contemplamos, é impossível não sentir amor no coração, porque a imagem tem isso tudo. Se ficarmos parados a olhar para a imagem, sem nada dizer e sem ninguém a falar connosco, simplesmente a contemplá-la, nós não somos a mesma pessoa no fim desse momento de contemplação, posso garantir”

Fátima Lopes, apresentadora de TV
Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também