Em 21 de Dezembro de 2006, em artigo de opinião neste Jornal, escrevi que "quando toda a gente pensava que a Câmara seria construída na zona da antiga Feruni, o PSD/Bernardino Vasconcelos surpreende tudo e todos apresentando a proposta para que seja construída na zona do Catulo!

   A surpresa foi tanta que os vereadores do PS ainda hoje devem estar a tentar perceber como é que votaram a favor!"

No mesmo artigo questionava também se "será utilizado o parque Senhora das Dores? Ou vão construir parques de estacionamento?"

 

Pois… falava então do facto de ter sido aprovado pela Câmara e pela Assembleia Municipal da Trofa a localização dos Paços do Concelho na zona do Catulo. Só CDU votou contra esta decisão pelo facto de não haver nenhum estudo que sustentasse a proposta que foi feita pelo PSD. Mas o PS não teve a mesma opinião e pactuou com a decisão de construir os Paços do Concelho na zona do Catulo, que, tal como ficou claro, vai desde a rotunda até quarteirão onde se situa a antiga serração, passando naturalmente pelos Parques Nossa Senhora das Dores e Lima Carneiro.

 

Por muito que custe admitir a este PS, eles próprios passaram uma carta em branco para que a Câmara fosse construída nos terrenos do Parque… ou até mesmo na própria rotunda do Catulo!

 

Estranha-se por isso que o PS não faça qualquer "auto crítica" quando condena a Câmara por querer utilizar terrenos do parque para construir os Paços do Concelho.

 

Apesar de considerar o PS co-responsável pela situação actual, não posso contudo deixar de criticar também a Câmara pela forma "habilidosa" e pouco correcta como tem gerido este processo. Senão vejamos algumas questões que continuam sem resposta:

– quais as reais razões que levaram o PSD a abandonar a promessa eleitoral de construir os Paços do Concelho na zona da antiga Feruni?

– onde está o estudo que o Presidente da Câmara disse ter sobre esta localização?

– tinha o PSD intenção de construir nos terrenos do Parque quando fez aprovar a localização nesta zona?

– porquê que foi concedida autorização para as obras e para o funcionamento de um Banco que terá que ser demolido quando construírem a Câmara?

 

Tal como disse em 2006 "O PSD/Bernardino Vasconcelos resolveu impor a localização da Câmara na zona do Catulo, fê-lo de forma atrapalhada e apressada, como se fosse fundamental decidir no imediato e sem conhecer mais nada. Infelizmente não vai ter a mesma pressa para construir a Câmara e entretanto continuará a pagar milhares de contos todos os anos de alugueres de edifícios!"

 

O PS agora faz muito barulho, mas aprovou a localização da Câmara num espaço que previa a utilização do Parque!

 

 

Jaime Toga