Campeonatos concelhios foram realizados “com muitas dificuldades”, afirmou presidente da Associação de Futebol Popular da Trofa. Vasco Torres considera que a autarquia deve “rever o desporto” no concelho.

 “É um milagre termos conseguido terminar com os campeonatos concelhios”. O desabafo foi de Vasco Torres, durantes os jogos da supertaça de três escalões do futebol amador na Trofa, que se realizaram na sexta-feira, 21 de junho, no pavilhão do Centro Recreativo de Bougado. O presidente da Associação de Futebol Popular da Trofa diz-se “triste” com a forma como os campeonatos decorreram, devido à falta de recursos financeiros e avisa: “Os campeonatos concelhios da Trofa têm que ser repensados”. De acordo com o responsável da coletividade que promove os campeonatos concelhios de futsal, foi “terrível” conseguir fazer uma época “com dois mil euros”. “Tivemos muitas dificuldades, demos o máximo para chegar ao fim sem que nenhuma equipa ficasse triste para não cancelarmos nenhum campeonato”, frisou.

Leia a reportagem completa na edição desta semana d’ O Notícias da Trofa, disponível num  quiosque perto de si ou por PDF.