Sexta-feira e sábado há festa em honra de S. Pedro, em Paradela. “Grupos da terra” são aposta destes festejos.
Aproximam-se dois dias de festa de S. Pedro, em Paradela, na freguesia de S. Martinho de Bougado, com o Conjunto Típico do Val, na sexta-feira, 29 de junho, e o Rancho das Lavradeiras e Filipe Pinheiro e Amigos no sábado. Apesar das sérias dificuldades financeiras da Associação Recreativa de Paradela, Luís Castela, presidente da associação, garante “animação”, “pretendendo aliviar um pouco a tristeza que vai no País”. 

Com cerca de dois meses de preparação, nem a “insistência” nem a “ajuda” dos moradores sucumbiram na organização destas festividades, explicou o presidente da associação ao NT.
Na sexta-feira, o Conjunto Típico do Val, volta às festas de Paradela após oito anos de ausência. Já no sábado, a programação assenta na música tradicional portuguesa com o Rancho das Lavradeiras da Trofa e Cantares ao Desafio com Filipe Pinheiro e três amigos, com a ajuda da concertina. “Podemos dizer que o programa da festa é uma aposta descrita como essencialmente da terra”, concluiuo presidente da associação. A tradicional “tasquinha” com petiscos e refrescos estará em funcionamento para alimentar e saciar a sede dos visitantes. Luís Castela espera “superar em resultados a redução em cerca de mil euros do orçamento” e promete “manter viva a tradição de festejar o S. Pedro em Paradela”.

Stefanie Correia

{fcomment}