As obras nos parques voltaram a estar em cima da mesa da Assembleia de Freguesia de S. Martinho de Bougado. Conta de gerência de 2012 aprovada com abstenção do PSD.

 Foi com um “figurino” alterado que se realizou mais uma Assembleia de Freguesia de S. Martinho de Bougado, no dia 30 de abril. Além da ausência dos elementos do PSD Maria Emília Cardoso e José Luís Araújo, substituídos por Mário Costa e Carlos Andrade, o executivo também contou com uma alteração. Botelho da Costa, até então líder da bancada do PS na Assembleia, tomou o lugar deixado por Vasco Pereira no executivo liderado por José Sá, com sete votos favoráveis e seis brancos.

Vasco Pereira, ex-tesoureiro da Junta, demitiu-se e prescindiu do assento na Assembleia, explicando os motivos por carta: “Divergências quer no conteúdo quer na forma como o senhor presidente do executivo dirige a nossa Junta de Freguesia, que se agudizaram a partir do momento em que eu, legitimamente, apresentei a minha candidatura pelo PS à União das Freguesias de S. Martinho e Santiago”.

Sobre esta saída, a bancada do PSD pronunciou-se através de Isabel Cruz, que referiu que Vasco Pereira “transportou mais-valias no que diz respeito à parte da tesouraria que, para nós, era um emaranhado e confuso documento apresentado”. “Conseguiu alterar algumas práticas desta assembleia, nomeadamente uma apresentação através de meios informáticos”, frisou.

Leia a reportagem completa na edição desta semana d’ O Notícias da Trofa, disponível num  quiosque perto de si ou por PDF.