Uma nova placa na A3 tem causado confusão nos automobilistas, ao dar conta que a área de serviço que antes se chamava “Coronado/Trofa”, agora tem designação “Santo Tirso”. Brisa garante que “lapso” vai ser corrigido.

Trofa ou Santo Tirso? A questão deve estar a fazer mossa na cabeça dos automobilistas que circulam no sentido Porto/Trofa na Autoestrada nº 3 (A3). Isto, porque depois de passarem as portagens da Maia, uma placa informativa dá conta de que estão próximos da área de serviço Coronado/Trofa mas, dois quilómetros à frente, outra placa batiza a área de serviço com o nome Santo Tirso.

Contactado o gabinete de comunicação da Brisa, concessionária da A3, confirmou que “houve, efetivamente, um lapso”. “Assim que detetada a situação foi, de imediato, dada indicação para a reposição da designação correta ‘Área de serviço Coronado/Trofa’, a qual deverá materializar-se nos próximos dias”.

Mas esta convicção esbarra nas declarações dos responsáveis da Galp, gestora do posto de abastecimento da área de serviço, que também contactados pela TrofaTv, afirmaram: “De facto a estação de serviço em questão tem a designação de Santo Tirso, desde a sua abertura.

Na altura, o local pertencia ainda ao concelho de Santo Tirso e após a separação dos concelhos não se procedeu à mudança de nome da estação. Assim, a nova placa de que fala indica corretamente a estação, não representando qualquer mudança do nome da mesma. Placas que, eventualmente, refiram Coronado/Trofa indicam a localidade e não o nome da estação”.

No entanto, ao telefonar para o posto de abastecimento da área de serviço a informação é esta: “Galp Gest, área de serviço da Trofa”. O mesmo se passa na loja da Via Verde, na mesma área de serviço. Questionada sobre a localização da loja, a funcionária respondeu que ficava “na A3, no quilómetro 11, na área de serviço Coronado/Trofa, em S. Mamede do Coronado, no sentido norte-sul”.

Na Assembleia Municipal da Trofa, no dia 23 de dezembro, Alberto Fonseca, do PSD, chamou à atenção do executivo camarário para esta situação. A presidente Joana Lima afirmou desconhecer a existência desta nova placa, mas garantiu que “a verdade será reposta o mais rápido possível”.

{fcomment}