Grupo Coral da Juventude Sem Fronteiras do Muro está a ultimar o Festival de Coros, que vai decorrer no dia 27 de abril, no salão paroquial Nossa Senhora de Fátima.

 Galegos de Santa Maria, Kyrios, Ser Contraste e Giofrater. Estes são os quatro coros que vão estar a concurso na primeira edição do Festival de Coros, a realizar-se no Muro. O festival, com início pelas 21 horas, vai contar ainda com a atuação dos meloDios – Coro Paroquial de S. Cristóvão do Muro.

Com a perspetiva de criar “um projeto sólido a ser repetido” e com a vontade de mostrar “a versatilidade” que têm, o Grupo Coral da Juventude Sem Fronteiras do Muro decidiu “começar algo novo”, como a organização do Festival de Coros, onde vão ser “atribuídos prémios para várias categorias”.

A “principal característica” dos participantes é a de serem “grupos corais associados a grupos de jovens, que partilhem um gosto particular pela música, enquadrando-a no trabalho nas suas comunidades”.

O espetáculo, que está aberto a toda a comunidade, tem uma “entrada simbólica”, que vai “reverter para a remodelação do salão paroquial”. Segundo Pedro Santos, presidente do grupo de jovens, esta recolha servirá para “criar um fundo”, para que depois sejam feitos alguns melhoramentos no salão, como a nível de palco e som.

“Esperamos que seja um grande encontro e acima de tudo um grande convívio, onde todos os coros terão a oportunidade de se conhecerem. De certeza que vai correr tudo pelo melhor, até porque a comunidade está empenhada. Esperemos que seja um sucesso, uma vez que estamos a fazer uma coisa nova, que aqui na zona não existe muito”, mencionou.

Com “36 elementos”, o meloDios – Grupo Coral da Juventude Sem Fronteiras do Muro surgiu como o “culminar da vertente de música de mensagem já desenvolvida desde a formação como grupo coral”, acabando “por ficar apenas nos casamentos”.