quant
Fique ligado

Edição 618

Mãe de menino com necessidades especiais acusa a Câmara de “discriminação”

Publicado

em

A Câmara Municipal da Trofa negou-se a contratar uma tarefeira para acompanhar um menino com “necessidades especiais” no ATL (Atividades de Tempos Livres). Situação foi resolvida, contou a mãe, graças à “boa vontade” da Associação de Pais.

Pela “primeira vez”, Cristiana Oliveira teve que recorrer ao ATL da Associação de Pais da Escola de Finzes, uma vez que, tal como o seu marido, trabalha “a tempo inteiro”. O entrave à frequência do seu filho Raul, de sete anos e com “necessidades especiais”, no ATL surge por parte da Câmara Municipal da Trofa, por “não lhe ser possível” pagar uma tarefeira. Uma situação que Cristiana Oliveira considera constituir um ato de “discriminação” e, por isso, decidiu tornar pública a sua história, pois “assim tem a certeza que outras crianças vão ser ajudadas”.

 

Reportagem para ler na íntegra na edição 618 do jornal O Notícias da Trofa

Continuar a ler...
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Edição 618

Pombo de Team Trofa vence primeira prova de fundo

Publicado

em

Por

Foi em Motilla del Palancar, Espanha, que se realizou a solta para a primeira prova de fundo da temporada deste ano da columbofilia trofense. Os pombos partiram em direção à Trofa a cerca de 600 quilómetros de distância, sendo que o primeiro demorou seis horas, 53 minutos e 17 segundos a chegar ao pombal. Identificado com o número ****337/14, o vencedor pertence à equipa Team Trofa, da Sociedade Columbófila Trofense, tendo voado a uma velocidade média de 86,82 quilómetros por hora (1447 metros por minuto). Além de vencer internamente, o pombo também se destacou a nível concelhio, uma vez que a prova também pontuava para o Campeonato Concelhio.

 

Reportagem para ler na íntegra na edição 618 do jornal O Notícias da Trofa

Continuar a ler...

Edição 618

5 jovens, 2 projetos, 1 missão

Publicado

em

Por

Cinco jovens trofenses preparam-se para uma missão de voluntariado em duas comunidades de Moçambique.

No mês de agosto, cinco jovens trofenses, integrados no voluntariado dos Missionários da Consolata de Águas Santas, vão partir em missão num grupo de 14 elementos da zona norte de Portugal. A missão de Moçambique está repartida em dois projetos: um em Massangulo, zona noroeste, e outro em Nova Mambone, zona sudeste. Apesar de distintas uma da outra, estas duas comunidades, ainda pouco desenvolvidas, vivem com elevadas carências educacionais.

 

Reportagem para ler na íntegra na edição 618 do jornal O Notícias da Trofa

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também