Paulo Melro, ex-diretor financeiro do Trofense, é candidato à presidência do Trofense. Pedido de eleições foi requerido por 25 sócios e lista candidata recolhe o apoio do ex-presidente Rui Silva. Sufrágio realiza-se na assembleia de 28 de setembro.

O apelo que José Leitão fez na noite em que, mais uma vez, decidiu liderar a comissão administrativa que salvou o Trofense da morte, foi ouvido. No fim do período que Leitão deu para que a Trofa se pronunciasse quanto à vontade de ver o clube prosseguir, 25 sócios pediram a realização de eleições para o biénio 2012-2014.

A lista foi apresentada na sede do Trofense esta segundafeira por André Crispim, sócio que ficou celebrizado pelo “grito de revolta” quando o clube caiu num vazio diretivo, numa assembleia em julho e se disponibilizou, assim como outros seis sócios, para arranjar uma direção. André Crispim será o único, do grupo dos 25 sócios, que integrará a lista candidata aos órgãos sociais, e a liderá-la estará Paulo Melro, que foi diretor financeiro no mandato de Rui Silva, entrando na época 2008/2009. A lista candidata aos novos órgãos sociais é entregue esta quinta-feira nos serviços do clube. 

O pedido dos 25 sócios obrigaram a comissão administrativa a incluir um novo ponto na ordem de trabalhos para a assembleia marcada para 28 de setembro, às 20.30 horas. Antes do sufrágio, serão discutidos o Processo Especial de Revitalização (PER) do clube, os relatórios e contas dos anos 2010 e 2011 e o orçamento para a época já em curso. 

Em entrevista ao NT, Paulo Melro explicou que na génese da lista candidata está “uma movimentação do sócio André Crispim” que, apesar de “apoiar” a constituição da comissão administrativa há dois meses, teve a “intenção de ver a estabilidade diretiva” do Trofense e, por isso, “procurou contacto com várias pessoas”. “A determinada altura, sou chamado a essa movimentação, conseguimos reunir 25 sócios, que manifestaram vontade de que realizasse este processo eletivo. A partir daí começamos a formar a lista candidata”, afirmou.

Leia a reportagem completa na edição desta semana d’ O Notícias da Trofa, disponível num  quiosque perto de si ou por PDF.

{fcomment}