No próximo dia 21 de Março, a Associação Portuguesa das Camélias e a Associação Portuguesa dos Jardins e Sítios Históricos visitam os jardins da Casa do Mosteiro de Landim, no concelho em Vila Nova de Famalicão.  Aqui os cerca de meia centena de visitantes poderão observar as belíssimas variedades de camélias portuguesas do século XIX, algumas delas apresentadas, conjuntamente com camélias da Casa de Boamense, na XIV Exposição das Camélias que se realizou no Palácio de Cristal, no passado fim-de-semana.
O passeio pelos jardins e cerca do antigo mosteiro constitui o ponto alto da visita com início marcado para as 15h30. O programa prossegue, no emblemático espaço que serviu de Sala do Capítulo aos Cónegos Regrantes de Santo Agostinho, com a apresentação dos serviços e produtos da Casa do Mosteiro de Landim, a cargo de Henriqueta Sampaio da Nóvoa, e uma intervenção de Emília Nóvoa Faria sobre a história do Mosteiro.
No final, haverá tempo ainda para os visitantes apreciarem uma mostra de interessantes documentos alusivos a jardins e a camélias, pertencentes ao Fundo Documental da Casa de Boamense, e degustarem o famoso vinho “Camélia” produzido na Quinta do Mosteiro de Landim.