Select Page

Jujigatami bovino – Crónica Verde

Jujigatami bovino – Crónica Verde

Desde 2007, a Associação para a Protecção do Vale do Coronado (APVC) realizou algumas actividades em parceria com a associação portuense Campo Aberto, com vista à preservação do vale agrícola do Coronado. Recordo o activismo local e, de forma mais alargada, o IV Encontro da Plataforma Interassociativa Convergir, em 29 de Maio de 2010, no Auditório de Santiago de Bougado e, assim, por um dia, a Trofa foi a capital da ecologia em Portugal.
Desta feita, a Campo Aberto lançou-nos mais um (a)braço. José Carlos Marques e restantes bons amigos estão de regresso à Trofa, para uma visita às margens do Ave, no dia 16 de Março, às 14h15, evento em formato duplex, com caminhada e debate, para o qual a APVC convida os trofenses.
A caminhada parte do Souto de Bairros, local com assinaláveis sobreiros e plátanos; seguirá pelo Parque das Azenhas, sob percurso plano, ao longo da margem do Rio Ave. Terá a duração de cerca de hora e meia – quiçá, com lontras à espreita! Na parte final da visita, às 16h45, já no Centro de Educação Ambiental da Trofa, junto ao Aquaplace, realizar-se-á um debate sobre o património paisagístico e natural do concelho da Trofa e da Área Metropolitana do Porto. Oportunidade para conhecer o livro “Espaços Verdes e Vivos na Área Metropolitana do Porto”. A entrada livre e gratuita.
O recente primeiro de Março ficou marcado pelo arranque da 73ª Feira Anual da Trofa e, nesse âmbito, assinalou-se o “Dia dedicado às crianças do concelho da Trofa”. E, nem de propósito, no programa, uma “Monumental Garraiada”. Mais um evento marialva-rococó, pago com dinheiro público – ao mesmo tempo, na EB23 de São Romão do Coronado, não há dinheiro (público) para “consertar” a degradação de algumas salas de aula!!
A contestação à garraiada tem sido visível, desde há 2-3 anos, na comunidade trofense, mas de forma muito discreta e amorfa. Porém, há semanas, perante a anunciada realização de mais um evento, vários trofenses – sobretudo, bougadenses –, sabendo que a APVC é uma das mais inquietas associações do concelho, contactaram-nos para que, em conjunto e de forma construtiva, sensibilizassemos a entidade organizadora, a Junta de Freguesia de Bougado. Do universo local, o movimento espalhou-se para outras regiões do país, com eco nas redes sociais e até na imprensa. O autarca de Bougado é um bom presidente, é, mas poderá ser excelente; contudo, em entrevista ao Jornal de Notícias [edição 01 Março, p.23] sobre a garraiada, Luís Paulo Sousa espalhou-se, com comentários reveladores de profunda infoexclusão e de alheamento relativo ao mundo da etologia e afins.

[nota às urtigas]

Este voluntário APVC que aqui escreve queimou muitas pestanas (até ficou careca!) na Escola Superior Agrária de Coimbra e no Scottish Agricultural College de Edimburgo, mas, mais importante do que isso, é, com muito gosto, filho de agricultores e tem calos nas mãos!

O nosso concelho merece muito mais do que patéticas garraiadas, shots de leite e selfies-marialva! À organização da Feira Anual, urge dignificar o nosso amado mundo rural e, por exemplo, apontar soluções estratégicas para mitigar os graves efeitos das alterações climáticas, cada vez mais evidentes nos sectores agrícola e florestal. Um abraço, Luís Paulo.

Continuaremos a promover e a ajudar a construir um concelho mais harmonioso e sustentavelmente desenvolvido, que promova o respeito por todos os seres – humanos e não humanos – e, em geral, pela Natureza. E, registe-se: até à data, fazemo-lo sem apoios institucionais da Câmara Municipal da Trofa e da Junta de Freguesia do Coronado – olha, olha, as duas tão diferentes e, nos apoios à APVC, tão iguais!!!

Para finalizar, longe da arena, já no tatami, um jujigatami: são cada vez mais as entidades e cidadãos que solicitam a nossa parceria/colaboração – cruzes credo, por que será?!

vítor assunção e sá | APVC
facebook.com/valedocoronado

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª página da edição papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização