Continental AG nomeou, novamente, um gestor português para assumir a liderança da fábrica de Lousado. José Carvalho Neto é o presidente do conselho de administração da Continental Mabor, uma casa que conhece muito bem.

José Carvalho Neto foi o escolhido para exercer a função de presidente do conselho de administração da Continental Mabor. Oito anos depois de ter deixado esta empresa, José Neto regressa a uma casa que conhece muito bem. “São muitos os desafios que, quer a equipa quer eu próprio temos pela frente, na medida em que a Continental Mabor evoluiu muito favoravelmente nos últimos anos. No entanto mantêm-se as necessidades de inovação e progresso especialmente na conjuntura internacional em que nos encontramos. Estou plenamente confiante que a equipa de Lousado saberá dar a resposta adequada às várias questões e projetos”, afirmou.

O novo presidente iniciou a sua atividade na Continental, em 1992, tendo liderado a Continental Mabor entre 1996 e 2000. Depois de um período de dois anos a chefiar as operações desta multinacional no México, abandonou o Grupo Continental para colaborar com Américo Amorim, como administrador de várias empresas, desde 2004.

A Continental está entre os maiores fornecedores do setor automóvel em todo o mundo, tendo faturado em 2010 vendas superiores a 26 mil milhões de euros. Através do fornecimento de sistemas de travagem, sistemas e componentes para motores e chassis, instrumentação, soluções de info entretenimento, eletrónica para veículos, pneus e elastómeros técnicos, a Continental contribui para uma maior segurança na condução e na proteção do meio ambiente.

Atualmente, a Continental emprega cerca de 164 mil pessoas de 45 países. Esta empresa alemã está presente em Portugal com as Divisões “Rubber” e “Automotive”. A Continental, acionista da Continental Mabor, controla mais quatro empresas – Continental Pneus, ITA, Continental Lemmerz e Continental Teves. No conjunto das empresas portuguesas a Continental emprega mais de 2140 trabalhadores diretos, em Lousado e Palmela e totalizou vendas de mais de 800 milhões de euros em 2010.

{fcomment}