"Unir, renovar e modernizar o PS" é um dos propósitos de Joana Lima que se comprometeu a "constituir uma equipa alargada, credível e competente" e "preparar um programa autárquico responsável e inovador".

   Ganhar a Trofa é o slogan da candidatura de Joana Lima à presidência da Comissão Politica Concelhia do PS Trofa. Deputados e notáveis do Partido Socialista estiveram este sábado na Trofa para apoiar a candidata que concorre às eleições internas do PS com Vitor Boucinha.

A socialista, deputada da Assembleia da República, anunciou a sua candidatura sob uma audiência que encheu salão nobre da Junta de Freguesia de S. Martinho de Bougado e declarou a luta pela "participação das mulheres na política", facto pelo qual a fez escolher o dia 8 de Março, Dia Internacional da Mulher, para a sua apresentação como candidata à presidência da Comissão Política Concelhia do PS Trofa.

"Unir, renovar e modernizar o PS" é um dos propósitos de Joana Lima que, adoptando "uma nova ética de responsabilidade com objectivos claros e precisos", se comprometeu a "constituir uma equipa alargada, credível e competente" e "preparar um programa autárquico responsável e inovador", no sentido de ganhar o maior número de Juntas de Freguesia.

Para as eleições autárquicas de 2009, a socialista, que estará "na linha da frente" para ganhar a Câmara Municipal da Trofa, anunciou que até 31 de Dezembro deste ano estarão encontrados todos os candidatos à Presidência das Juntas de Freguesia da Trofa e assumiu o compromisso de "ir para o terreno logo a seguir às eleições internas, envolvendo todo o partido", continuando com as visitas às freguesias, no sentido de "encontrar as melhores soluções, ouvir as forças vivas e os protagonistas de todas as colectividades" do concelho.

Joana Lima, recusou tecer comentários sobre o seu adversário, sublinhando não adoptará as mesmas armas de Vitor Boucinha. "Contrariamente ao nosso camarada e nosso adversário que na sua carta aos militantes me fez ataques pessoais, eu quero dizer que estou aqui para construir e não para destruir".

Presente na cerimónia de candidatura, a deputada Paula Cristina anunciou o seu total apoio em Joana Lima, a quem apelidou de "mulher com uma garra e força imparáveis", e apelou aos militantes da Trofa "que ajudem a Joana não apenas a ganhar, mas a conseguir uma esmagadora maioria para que não restem dúvidas que o que está em causa é ganhar um Futuro com um projecto de compromissos bem claros".

Por seu lado, José Junqueiro, porta-voz do Partido Socialista na Assembleia da República, sublinhou que a candidata é "um exemplo de trabalho, de integridade, honestidade e dedicação" e que a Trofa "precisa destes pergaminhos, assim como de determinação e inteligência para mudar".

Não dissecando "outras possibilidades estatutárias ou administrativas que impossibilitem a sua candidatura", o deputado Joaquim Couto sublinhou o apoio a Joana Lima, pessoa mais indicada para encabeçar a concelhia socialista e ganhar as autárquicas de 2009: "é tempo de mudar e de ceder à alternativa ao PS, a uma mulher porque é de facto uma experiência nova".

"Uma verdadeira socialista". Narciso Miranda, ex-presidente da Câmara Municipal de Matosinhos, apoia a deputada com quem "partilha a sua forma de estar na política e a sua forma de olhar a vida partidária".

"É preciso trabalhar com verdade, rigor e muita ética e eu considero que a Joana já percebeu isso. O PS precisa de gente que tenha uma linha de rumo definida e um padrão de vida politica e partidária ao nível do da Joana Lima", concluiu.

Clique aqui e veja a reportagem da TrofaTv