Select Page

Isabel Calado apresentou novos trabalhos discográficos

Isabel Calado apresentou novos trabalhos discográficos

A trofense Isabel Calado apresentou mais dois trabalhos discográficos. “Canções Populares Portuguesas 2” e “Sonatas Prussianas de C. P. E. Bach” resultam de um trabalho realizado pela intérprete em conjunto com o tenor Márcio da Rosa.
No cravo e pianoforte, Isabel Calado levantou o véu e interpretou alguns temas que integram os CD apresentados, alguns do cancioneiro geral português muito conhecidos, numa sessão que teve lugar na Casa da Cultura da Trofa, a 23 de fevereiro.
“Sonatas Prussianas de Carl Philipp Emanuel Bach” foram compostas durante os anos 40 do século XVIII e fazem parte do espólio mais significativo de Bach, tendo sido interpretadas no cravo por Isabel Calado.
Já “Canções Populares Portuguesas II” reúne temas interpretados pelo tenor Márcio da Rosa, acompanhado em instrumento de tecla por Isabel Calado, englobando obras de Marcos Portugal extraídas do Cancioneiro de Música Popular, publicado em 1893.
As fontes musicais portuguesas são ferramentas de investigação da intérprete trofense “desde 2009”, contou em declarações ao NT.

O primeiro concerto aconteceu em 2012 e desde aí tem-se apresentado em diversos palcos, a solo ou integrada em grupos de música de câmara e em orquestras, com destaque para Orquestra do Algarve e a Orquestra do Norte, com quem trabalhou em inúmeras ocasiões. O estudo da música iniciou-se ainda no pré-escolar, mas “só se tornou num interesse sério já em adulta”, observou.
A formação na área inclui o curso do Conservatório de Música do Porto, licenciatura bietápica na Escola Superior de Música de Lisboa – Instituto Politécnico de Lisboa, mestrado em Ensino da Música na Escola das Artes da Universidade Católica e doutoramento em Ciências Musicais pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa.
Já não é a primeira vez que Isabel Calado se apresenta na terra natal, incluindo-a no mapa de concertos que tem dado um pouco por todo o mundo, em países como Espanha, França, Reino Unido, Estado Unidos da América, Singapura e Japão. O último é o próximo destino da trofense, que tem concertos agendados para 20 e 21 de abril, em Nagoya, numa ópera de Mozart com a Orquestra Barroca de Nagoya. A 26 de maio, apresenta as “Canções Populares Portuguesas” no Museu Romântico do Porto, com Márcio da Rosa.
Isabel Calado tem já previstos concertos, em parceria com a soprano Iria Perestrelo, em Portugal, Reino Unido, França e Alemanha.

Videos

Loading...

Siga-nos

1ª página da edição papel

Este site utiliza cookies para lhe oferecer uma experiência mais personalizada. Ao navegar está a permitir a sua utilização