A Junta de Freguesia de S. Mamede do Coronado e o Banco Local de Voluntariado organizaram na sexta-feira, dia 8 de junho, o primeiro Encontro de Tunas. 

A Tunafe, Macholatuna, Tuna Feminina do ISEP, Grupo Académico Gristo e Taisag foram as tunas que abrilhantaram o primeiro Encontro de Tunas, que decorreu junto à Capela do Divino Espírito Santo, em S. Mamede do Coronado.  Apesar do “medo em relação à chuva”, a verdade é que o S. Pedro lá deu uma ajudinha para que a festa pudesse continuar sem problemas.

Foi entre serenatas e cânticos animados, que os universitários marcaram a noite com a sua alegria contagiante, onde não faltaram as habituais picardias entre os elementos das tunas. António Teixeira, tesoureiro da Junta de Freguesia de S. Mamede do Coronado, fez um balanço positivo da iniciativa, reconhecendo que o facto de ter sido apenas divulgada no facebook, fez com que poucas pessoas aparecessem. Mesmo assim, ressalvou que a atividade correu muito bem.

A organização esteve a cargo de um grupo de jovens pertencentes ao Banco Local de Voluntariado da freguesia que, com esta iniciativa, pretendia “tentar reavivar a freguesia”, ao mesmo tempo que angaria fundos para o S. Mamede ConVida. António Teixeira afirmou que a Junta continua a “apostar na juventude”, pois é ela “o futuro do concelho”. “Esta juventude tem tido um trabalho maravilhoso, com muito esforço e muita dedicação. E, com esta iniciativa, estão a angariar algum dinheiro para começar a preparar o trabalho para o S. Mamede ConVida”, elogiou. 

A escolha do local da atuação foi perfeita, pois, além de “não necessitar de palco”, era “uma área aberta, onde as pessoas se sentem à vontade”.

{fcomment}