quant
Fique ligado

Espetáculos

Guru no Teatro Municipal de Vila do Conde Foto-Reportagem

Publicado

em

No dia 12 de Outubro a peça O Guru chegou ao Teatro Municipal de Vila do Conde. Esta passagem fez parte da digressão da peça pelo país, depois de cerca de dois meses em cena no Auditório dos Oceanos no Casino de Lisboa.

A história é simples. A três dias de apresentar o Orçamento do Estado na Assembleia da República, a Ministra das Finanças Helena Pinto Macedo, não sabe o que fazer. Cheia de dúvidas e questões, não consegue tomar as decisões necessárias para finalizar o orçamento, apesar de munida dos estudos, dos números e das projeções. Confusa, pensa pedir ajuda ao seu marido Luis, mas este é um conhecido deputado da oposição e o casamento está por um fio com o casal a viver uma existência amarga e de constantes guerras. Assim, Helena Pinto Macedo, acreditando que apenas uma força superior a iluminará, recorre ao internacionalmente afamado Professor Furor e decide levá-lo para casa para maior descrição. Mas este Guru Professor Furor, não passa de um chico esperto meio tonto que entra na casa da ministra sem perceber nada de Gurismo, encostos e espirítos, sem acreditar ter quaisquer poderes, mas que se deixa fascinar pelo estimulante pagamento mensal de vários milhares de euros e entra na farsa. No entanto, a ministra é implacável nas suas condições e quer Furor ao seu dispôr 24 horas por dia, pois só assim se sente pronta a resolver os problemas do país e finalizar o orçamento do Estado. Como não quer que o marido conheça a verdadeira razão da presença do Guru lá em casa, alicia a filha a fazer parte da farsa: ela terá de se fazer passar por namorada de Furor e assim justificar a presença dele no lar dos Macedo. Em troca, a Ministra conceder-lhe-á algumas informações sobre o Orçamento do Estado, que Maria João, a filha jornalista poderá publicar em exclusivo. A filha não está pelos ajustes, mas a ideia de obter furos jornalísticos agrada-lhe. Mas o Guru que de Furor tem muito pouco e de Professor ainda menos, revela-se um verdadeiro incapaz. E está assim dado o mote para cerca de hora e meia de diversão.

Assistiu-se em Vila do Conde a uma boa sessão de entretenimento com a oportunidade de ver um grupo de bons actores com alguns momentos de cumplicidade que arrancaram gargalhas a uma audiência bem composta. A irritante e contínua referência de Furor ao Gerês, os momentos de inexistente harmonia familiar na casa dos Macedo e a presença dos deliciosos documentários da vida animal foram alguns dos momentos de maior animação desta produção UAU, que conta com as interpretações de Rui Unas, Custódia Gallego, Heitor Lourenço e Susana Mendes. Com texto de Henrique Dias e Roberto Pereira, a comédia distingue-se pela encenação de José Pedro Gomes. O cenário é da responsabilidade de F. Ribeiro e os figurinos pertencem a Dino Alves. O desenho de luz é da autoria de Paulo Sabino enquanto a música é de Alexandre Manaia. Sónia Aragão é a assistente de Encenação.

O Guru continuará a sua digressão pelo país, indo de seguida arrancar gargalhadas em Leira e no Porto.

Texto: Joana Teixeira
Fotos: Miguel Pereira

Fotogaleria (clica nas imagens para aumentar)
{phocagallery view=category|categoryid=29}

Publicidade
Continuar a ler...
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado.

Espetáculos

CCB transmite concerto da Orquestra de Câmara Portuguesa no Museu Soares dos Reis

Publicado

em

Por

O Centro Cultural de Belém vai transmitir, no dia 15 de julho, o concerto Serenata, da Orquestra de Câmara Portuguesa, no Museu Soares dos Reis, no Porto. A entrada é livre e a transmissão começa às 21h30.

Este evento surge no âmbito do projeto CCB – Cidade Digital, que o Centro Cultural de Belém desenvolve, em parceria com a Direção-Geral do Património Cultural, com o objetivo de transmitir gravações de espetáculos do CCB por todo o país e permitir a novos públicos, a fruição digital de espetáculos, em lugares fundamentais da nossa cultura e identidade.

Continuar a ler...

Espetáculos

FESTIVAL EDP VILAR DE MOUROS – HORÁRIOS

Publicado

em

A organização do festival EDP Vilar de Mouros acaba de divulgar os horários dos concertos que vão decorrer nos dois palcos, o EDP e o MEO, preparados para receber as 18 bandas que atuam nos dias 22, 23 e 24 de agosto, sob a promessa de um ano inesquecível para todos os apaixonados por música.

A edição 2019 traz-nos um cartaz eclético e com confirmações de peso: no palco EDP atuam bandas como os The Cult, Manic Street Preachers, Anna Calvi, The Offspring, Skunk Anansie, Nitzer Ebb, Prophets of Rage, Gogol Bordello e Linda Martini, e, no palco MEO os Therapy?, The Wedding Present, Tape Junk, The Sisters of Mercy, The House of Love, Clan of Xymox, Fisher-Z, Gang of Four e Jarojupe.

Deslocação (Desconto CP e Transfer Gratuito Óptica Pistosga)
Os festivaleiros com passe do evento têm 30% de desconto na CP na compra de viagens em intercidade, inter-regionais e regionais com destino e partida de Caminha, de 18 a 25 de agosto. O transfer gratuito de autocarro panorâmico entre Caminha e o Festival mantém-se, com o patrocínio da Óptica Pitosga, com paragens no Terreiro (Caminha), na estação de comboios e no Festival das 14h às 4h, com periocidade de 30 em 30 minutos.

Pequeno-almoço do campista
A pensar no bem-estar dos campistas, o EDP Vilar de Mouros e a Pastelaria Riviera sugerem um prático pequeno-almoço que inclui Leite ou Sumo + Pão ou Croissant Misto + Fruta, por apenas 3,50€, de 19 a 25 de agosto. As encomendas deverão ser feitas até às 11h do dia anterior à entrega e deverá ser levanta no Posto de Informações, junto da entrada principal do Parque de Campismo, entre as 9h30 e as 10h00.

DJ’s e animação até às 4h
De 22 a 24 de agosto, vai existir, pela primeira vez, um espaço de entrada livre com DJ’s, animações e bares até às 4h, para que todos possam fazer parte da história do EDP Vilar de Mouros e possam beber o que de melhor tem o festival.

“O Melhor do Festival toca a todos”
No âmbito da campanha “O Melhor do Festival Toca a todos”, desenvolvida em parceria com a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, destaca-se a aposta no apoio à modernização e melhoria zonas de mobilidade reduzida, da sua sinalética, bem como melhorar a qualidade dos caminhos de acesso a essas mesmas áreas, no sentido de proporcionar melhor conforto e bem-estar aos seus utilizadores. Por outro lado, pretende-se garantir o apoio a pessoas com mobilidade reduzida através da presença de técnicos da SCML no local e estacionamento próximo da entrada. 

Vertente Social e ecológica
Outra das novidades passa pela ação de sensibilização de recolha de roupa, no centro de Caminha, com o apoio da Coca-Cola. As peças doadas serão entregues a instituições locais e cada participante receberá uma coca-cola por doação.

Publicidade

Como medida de sustentabilidade também a mobilidade para o recinto é reforçada com a disponibilização de bicicletas gratuitas, com dois pontos de recolha/entrega, um no recinto e outro em caminha, que fazem igualmente a ligação entre as praias fluvial e marítima.

Numa edição prestes a arrancar, a freguesia de Vilar de Mouros e o festival preparam-se para escrever mais uma página da sua história. Os últimos anos têm contado com a presença de milhares de visitantes e vários artistas que têm marcado cada edição, como os Incubus, The Pretenders, Editors, dEUS, GNR, U2, Elton John, UB40, Rammstein, Bob Dylan, Neil Young, Peter Gabriel, PJ Harvey, Zeca Afonso, Amália, Carlos Paredes entre muitos outros.

O EDP Vilar de Mouros tem data marcada para os dias 22, 23 e 24 de agosto e os bilhetes encontram-se disponíveis nos locais habituais e na Ticketline.

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também