Após o cancelamento dos dois concertos previstos para 2011, devido a lesão da vocalista Sandra Nasic, o tão aguardado regresso dos Guano Apes a Portugal realizou – se a 16 e 17 de Fevereiro nos Coliseus de Lisboa e Porto respectivamente. De novo em palcos lusitanos, desta feita em tornê para apresentação do seu mais recente álbum “Bel Air”, editado em 2011.

E como diria o guitarrista Hennig Rumenapp, “nada como terminar a tornê europeia em Portugal onde sempre foram tão carinhosamente recebidos quer em festivais – o mítico Sudoeste, quer no Enterro da Gata em Braga em 2009”. De realçar que este ultimo concerto foi um marco na história da banda, uma vez que se tinham separado em 2005 e reuniram-se nesta cidade minhota. Apesar dos projectos a solo dos 4 membros da banda, por persistência dos fãs e a vontade de continuar a tocar juntos resultou um álbum repleto de novos temas como “Oh what a nigth” e “This time”.

Apesar da expectativa do concerto, a verdade é que o Coliseu do Porto ficou aquém da lotação esperada, conseguindo apenas metade da ocupação. Logo para aquecer e entre as novas musicas, êxitos como “Open your eyes”, “Pretty in scarlet” e “Fire in your eyes”, fizeram as delícias do público presente. Dedicaram o tema “Fanman”a todos os fãs portugueses que desde o inicio da banda sempre apoiaram a banda Alemã, fazendo com que esta se sinta como se em casa estivesse sempre que cá vem tocar.

Um brinde muito especial, da sempre simpática Sandra Nasic, desta feita com um copo de chá com mel, português pois claro, porque as suas cordas vocais não permitiam neste momento álcool. Inspirados na época carnavalesca e na folia envolvente, os membros subiram por duas vezes ao palco, tendo na ultima aparição, trajado a rigor com fatos cómicos cantando o super êxito “Big in Japan” um original de 1980 dos “Alphaville”.

Texto: Adelaide Oliveira
Fotos: Miguel Pereira

Fotogaleria (clica nas imagens para aumentar)