quant
Fique ligado

jonati

Edição 780

“Girassol”, o novo serviço de apoio ao domicílio disponível 24 horas

O serviço prestado por este centro estende-se desde as tarefas mais básicas, como os cuidados de saúde e higiene, serviços domésticos e transporte e acompanhamento ao exterior, ao apoio mais especializado, como serviços de enfermagem, cuidados de demência, como o Alzheimer, e cuidados paliativos.

Publicado

em

O serviço de apoio domiciliário consiste na prestação de serviços multidisciplinares a pessoas que se encontrem em situação de dependência física e/ou psíquica e não possam assegurar, temporária ou permanentemente, a satisfação de necessidades básicas ou a realização de atividades instrumentais da vida diária. Especializada nesta área, a “Girassol” abriu na Trofa com serviço 24 horas, para garantir aos pacientes um envelhecimento harmonioso todos os dias, a qualquer momento.

Assim como a planta, que se movimenta em direção ao sol, também o centro de apoio domiciliário “Girassol” tem a capacidade de se orientar para as necessidades de cada sénior que acompanha.
O serviço entrou em funcionamento este mês na Rua António Manuel Fonseca Sampaio, atrás dos CTT da Trofa, e conta com uma equipa com largos anos de experiência.
Rosto deste novo projeto que promete dar qualidade ao envelhecimento, Dina Carvalho nasceu e viveu na Trofa até 2007, ano em que decidiu emigrar para Otava, no Canadá, onde se especializou em Geriatria, na Algonquin Career College. Acumulou vasta experiência no cuidado das mais distintas formas de demência, ao tratar de veteranos de guerra com dependências físicas e perturbações mentais e prestar serviços ao domicílio, tendo, igualmente, desenvolvido competências diferenciadoras em situação de cuidados paliativos.
Para além dos conhecimentos sobre a parte motora dos pacientes, Dina Carvalho sempre garantiu os cuidados contínuos de forma a assegurar uma melhor qualidade de vida a todos os pacientes que tem ao encargo e apesar da longa carreira e experiência renova conhecimentos a cada oportunidade, como a certificação que tirou, já este ano, no apoio psicossocial e animação sociocultural. Com esta formação, garante a melhor ajuda para combater o isolamento e promover a qualidade de vida dos seniores.
A “Girassol” tem as portas abertas para fazer uma avaliação diagnóstica gratuita, com visita domiciliária para levantamento das necessidades de cada paciente. Basta contactar a empresa através de telefone 911 093 888 ou do e-mail admin@girassol-apoioaodomicilio.pt para marcação de uma consulta gratuita.
“A abertura desta empresa simboliza o meu compromisso com a minha comunidade, onde pretendo proporcionar os melhores cuidados a todos os seniores, contribuindo para a melhoria não só da sua qualidade de vida, como também do bem-estar dos seus familiares, de forma a garantir o equilíbrio do meio onde estão inseridos. A Girassol procura o sorriso em cada rosto e tem como missão envolver-se com as várias entidades da Trofa e arredores com o objetivo de desenvolver atividades e serviços de alta qualidade para idosos/as e famílias e de forma a combater o isolamento e promover a estimulação contínua”, sublinha Dina Carvalho.

Especialização em demência e cuidados paliativos

O serviço prestado por este centro estende-se desde as tarefas mais básicas, como os cuidados de saúde e higiene, serviços domésticos e transporte e acompanhamento ao exterior, ao apoio mais especializado, como serviços de enfermagem, cuidados de demência, como o Alzheimer, e cuidados paliativos.
A Girassol disponibiliza também serviços para tarefas domésticas diárias, como planeamento ou confeção de refeições, preparação de lista de compras ou transporte para passeios, consultas médicas, idas à missa ou a eventos culturais.

Girassol disponibiliza Pulseira SOS
Comprometida com o melhor serviço que pode ser dado aos pacientes, a Girassol celebrou parceria com o projeto “Pulseira SOS”. Esta pulseira, em forma de relógio, tem funcionalidades similares a um telemóvel e tem acoplado um botão de emergência e localizador GPS, que facilita o contacto imediato com familiares, amigos e cuidadores, no caso de acontecer alguma situação de perigo.
Esta pulseira pode ser adquirida na Girassol, para isso basta contactar a empresa, através de telefone 911 093 888 ou do e-mail admin@girassol-apoioaodomicilio.pt.

Publirreportagem

Continuar a ler...

Edição 780

AEBA impulsiona nova fase do projeto INO.BA

Agora INO.BA+, esta iniciativa da Associação Empresarial do Baixo Ave (AEBA) pretende “construir e promover uma maior sustentabilidade e resiliência do ecossistema de inovação empresarial do Baixo Ave, através de ações concretas de criação e ativação de uma marca coletiva e de iniciativas de diplomacia económica da região”.

Publicado

em

O projeto INO.BA sofreu um update. Agora INO.BA+, esta iniciativa da Associação Empresarial do Baixo Ave (AEBA) pretende “construir e promover uma maior sustentabilidade e resiliência do ecossistema de inovação empresarial do Baixo Ave, através de ações concretas de criação e ativação de uma marca coletiva e de iniciativas de diplomacia económica da região”.
Em comunicado, a AEBA explicou que a nova fase deste projeto, apoiado pelo NORTE 2020, na medida SIAC (Sistema de Apoio às Ações Coletivas) – Tipologia Qualificação, será caracterizada pelo desenvolvimento de “iniciativas dinamizadoras do ambiente de inovação, além daquelas que já estão em curso, como, por exemplo, workshops, seminários, encontros de negócios, meetings, apresentação de estudos de caso e benchmarking, grupos de trabalho e reflexão sobre inovação”.
O público-alvo destas ações são “as PME e empresários da sua área geográfica, centros de conhecimento e de I&D+i, investidores e financiadores nacionais e internacionais, órgãos da administração pública, meios de comunicação social e líderes de opinião”.
“Na prática, o INO.BA+ passa pela criação e ativação de uma marca coletiva, mapeamento de oportunidades de inovação setorial, desenvolvimento de uma plataforma colaborativa de intelligence e capacitação para a inovação, sustentabilidade e resiliência no Baixo Ave, e, ainda, ações de informação, sensibilização e networking”, acrescentou a entidade, que acredita que esta fase do projeto vai “aumentar os níveis de comunicação, organização, articulação e integração das empresas do território, além de gerar maiores níveis de notoriedade económica e promover ofertas inovadoras do território no exterior”.

Continuar a ler...

Edição 780

Editorial

Encaramos 2023 como um ano de mudanças, de aperfeiçoamentos e crescimento, ainda que moderado e com os pés bem assentes, sem nunca perder os princípios que sempre nos nortearam e, seguindo a Estrela Polar, tal como os Reis Magos, daremos seguimento a este projeto que começou há 20 anos.

Publicado

em

Após duas décadas de dedicação e trabalho ao projeto editorial Jornal O Notícias da Trofa, eis-nos no final de 2022, completando assim mais uma jornada de notícias e reportagens, levando até aos nossos leitores a informação da Trofa e da região do Ave.
Se 2022 foi o ano das adaptações às mudanças e desafios que foram sendo colocados em 2020 e 2021 por força da pandemia, espera-se que 2023 venha a ser um ano igualmente desafiante e nada pacífico em termos económicos e sociais.
Encaramos 2023 como um ano de mudanças, de aperfeiçoamentos e crescimento, ainda que moderado e com os pés bem assentes, sem nunca perder os princípios que sempre nos nortearam e, seguindo a Estrela Polar, tal como os Reis Magos, daremos seguimento a este projeto que começou há 20 anos.
Muitas centenas de empresas têm apoiado e imprimido dinâmica a uma ideia que, tal como prevê os manuais de empreendedorismo, passou do plano de negócio à fase de aplicação prática e de desenvolvimento, com momentos altos e outros menos bons e que, apesar das quedas e tropeções, ainda detém a vitalidade e espírito empreendedor e o mesmo fulgor de 2002.
Sem estar agregado a nenhum grupo económico nem a forças partidárias ou ordem religiosa, este projeto de informação que começou por ser local, foi trilhando o caminho das pedras, com curvas e contra-curvas, muitas vezes quase fatais, mas continuaremos a lutar pela liberdade de informar, liberdade de expressão e de ação, liberdade religiosa, liberdade pela defesa da auto determinaçao dos povos e das minorias.
Em pleno século XXI, a forma mais fiável de usufruir da democracia em sociedade é a liberdade de informar e ser informado. Como diria Karl Marx, “a imprensa livre é o olhar omnipotente do povo, a confiança personalizada do povo nele mesmo, o vínculo articulado que une o indivíduo ao Estado e ao mundo, a cultura incorporada que transforma lutas materiais em lutas intelectuais, e idealiza suas formas brutas”.
Em 2023, continuaremos a informar com liberdade, isenção e profissionalismo e sem tabus, pois estes são os valores que nos norteiam desde a fundação e todos juntos, Jornal O Notícias da Trofa, Jornal do Ave e TrofaTv seremos ainda mais fortes.
Os votos para 2023 são os de fraternidade, prosperidade e respeito pela opinião de todos os que vivem nas nossas comunidades e na Diáspora em vários países do mundo.
Continuamos a acreditar que é possível viver em Liberdade e em Democracia e porque acreditamos somos gratos às nossas e nossos assinantes, da Trofa, da Região e do Mundo que continuam a confiar no nosso trabalho e que nos apoiam!
Uma palavra de reconhecimentos aos que colaboraram e continuam a colaborar com os nossos projetos editoriais e aos empresários das micro, pequenas, médias e grandes empresas que sabem que apoiar a liberdade de informação e expressão é a forma de manter a democracia viva, pois como disse Thomas Jefferson, “se tivesse de escolher entre governo sem jornais e jornais sem governo, não hesitaria em escolher esta última”. Sem imprensa livre, não há democracia!

Até 2023!

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Pode ler também...

} a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);