O núcleo da Fraternidade Nuno Álvares de S. Martinho de Bougado inaugurou a nova sede, no dia 13 de julho.

Com a participação da fanfarra dos escuteiros, a iniciativa começou com uma romagem ao cemitério, onde foram lembrados todos os que fizeram parte da família escutista no Agrupamento e núcleo da FNA de S. Martinho de Bougado, com a colocação de uma coroa de flores e a celebração de uma eucaristia, que serviu também de homenagem aos antigos elementos.

A cerimónia de inauguração da sede do núcleo da FNA, situada na antiga residência paroquial, aconteceu sob um enorme simbolismo, já que o local foi durante algumas décadas espaço de formação do Agrupamento 94 da Trofa do Corpo Nacional de Escutas, tendo por lá passado a maioria dos elementos que agora compõem o efetivo do núcleo da FNA. “É um local de memória e de cultura do passado e será agora ponto de união e contínua formação de escuteiros adultos para as suas missões com a vida paroquial, de cidadania e de entrega ao próximo nas suas ações”, avançou ao NT Jorge Carvalho, presidente do Núcleo.

Foi descerrado um quadro, que decorará a sede, e que serve de homenagem ao padre Alberto Pinheiro Machado, fundador do escutismo na paróquia, e ao Padre Joaquim Ribeiro, que deu continuidade ao movimento escutista local.