A imagem de Nossa Senhora de Fátima percorre, no dia 13 de Maio, as rua de S. Romão do Coronado durante a Festa em sua honra. Este é também o momento escolhido para as crianças celebrarem a Comunhão Solene.

A participação na procissão é a maior demostração de fé durante a Festa em Honra de Nossa Senhora de Fátima, organizada todos os anos no dia 13 de Maio, em S. Romão do Coronado. Neste dia, os meninos da catequese fazem a sua Comunhão Solene e a paróquia sai à rua para celebrar a fé em Nossa Senhora, mas também para felicitar as crianças da catequese.

A organização da festa é da responsabilidade dos pais das crianças que vão fazer a comunhão no ano seguinte. Esta celebração de fé é realizada na paróquia há já vários anos.

Filipe Oliveira, membro da Comissão de Festa em Honra de Nossa Senhora de Fátima, faz um balanço “positivo” desta Festa, que “é fácil de fazer”. “A população contribui e ajuda sempre, pelo que fazemos dois peditórios que pagam as despesas da festa”, concretizou.

A Festa realiza-se sempre no dia 13 de Maio e a população faz questão de acompanhar as celebrações, que começaram às oito horas com a celebração da primeira eucaristia do dia. Cerca das 10 horas, tem início a missa direccionada às crianças que fazem a comunhão. Este ano foram 26 os meninos e meninas que celebraram a Comunhão Solene. Ainda antes do almoço, a Comissão de Festas e a Banda de Música sobem ao lugar do Seixinho para “dar as boas-vindas à população”. Durante a tarde, tem lugar o ponto alto da homenagem a Nossa Senhora de Fátima, com a procissão entre a Igreja de S. Romão do Coronado e a Capela de S. Bartolomeu, num percurso com cerca de três quilómetros. Centenas de pessoas fazem questão de participar e assistir a esta demostração de fé.

Com todas as despesas incluídas, a organização desta Festa tem custos na ordem dos nove mil euros, mas “a população contribui com vontade” e é possível “fazer uma boa festa”, explicou Filipe Oliveira ao NT.