O Núcleo do Sporting é o campeão 2009/2010 do campeonato concelhio de futebol sénior feminino. A apenas um ponto do grande adversário Coronado, as atletas que se vestem de verde só puderam festejar no último jogo depois da vitória com o Paradela.

Sem sede nem campo de treinos próprio e com o clube a funcionar como “uma organização temporária”, a equipa feminina de futebol sénior do Núcleo do Sporting continua a correr atrás da bola. A equipa que conta com quase cinco anos de existência juntou ao seu palmarés a vitória no campeonato concelhio de futebol sénior feminino, depois de ter vencido a Super Taça em 2006/2007.

“Temos feito umas boas épocas e este ano acreditámos que íamos conseguir”, adiantou o treinador da equipa, Pedro Andrade, em entrevista exclusiva ao NT.

Duas equipas constituíam a principal ameaça : “O Coronado e o Alvarelhos”. “O Coronado que ficou em 2º lugar e estamos a falar uma de diferença de pontuação de apenas de um ponto. Depois o Alvarelhos que ficou em 3º lugar e que também tem uma boa equipa”, explicou o técnico.

Vencer o campeonato esteve sempre nos planos de treinos das jogadoras e da equipa técnica, no entanto chegaram a temer ficar pelo caminho mais uma vez. “O primeiro jogo que jogámos em casa nós vencemos o Coronado por 1-0 e em casa do Coronado na segunda volta perdemos por 3-0 e estava muito em jogo nós tínhamos que ganhar o resto dos jogos até ao final do campeonato e tínhamos jogos difíceis”, confessou Pedro Andrade.

Um dos jogos complicados e onde sofreram “até ao último minuto” foi o jogo em casa das atletas do Alvarelhos. “O jogo com o Alvarelhos foi decisivo, se ganhássemos sabíamos que seríamos campeões. Faltava-nos apenas ganhar um jogo com o Paradela em casa, que é uma equipa mais acessível”, contou. E foi o que aconteceu. Venceram o Alvarelhos, por 2-0, e o Paradela, por 3-0.

Com um núcleo duro há três anos, a equipa já se conhece. Para além do treinador contam com a ajuda de Predo Silva, preparador físico e José Silva, o treinador das guarda-redes e também massagista. Nélia Magalhães, Teresa Silva, Cátia Andrade, Sofie Andrade, Diana Peixoto, Tânia Frei, Natasha Costa, Helena Leite, Cláudia Leite, Filipa Couto e Leonor Cruz, são as campeãs que suaram a camisola jogo a jogo e que mesmo com dois empates e uma derrota conseguiram levantar a taça da vitória.