Esta sexta-feira, a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC) desafia toda a população a participar no exercício nacional de sensibilização para o risco sísmico.

Denominado “A Terra Treme”, o exercício é promovido anualmente e “visa capacitar a população para saber como agir antes, durante e depois de um sismo, nomeadamente que conheça as medidas preventivas e os comportamentos de autoproteção a adotar para se proteger”.

O desafio passa por, às 11.15 horas, famílias, escolas, empresas, instituições públicas, privadas ou associativas executem, durante um minuto, três gestos de autoproteção: baixar, proteger e aguardar.

“Além da população em idade escolar, cuja adesão à iniciativa tem sido significativa, a ANEPC tem o desiderato de ir alargando sucessivamente, ano após ano, a reflexão e o debate em torno da temática do risco sísmico e a participação nesta iniciativa a outros setores da sociedade civil”, fez saber, em comunicado, a ANEPC, que quer agora maior envolvimento de outras organizações públicas, privadas e associativas.

Neste sentido, foi criado o sítio na internet, www.aterratreme.pt, onde a população pode obter informações sobre o exercício e recursos de divulgação, e divulgada a hashtag #aterratreme, destinada a identificar nas redes sociais as publicações pessoais ou institucionais relacionadas com a iniciativa.

A ANEPC propõe ainda a inscrição no site do exercício e o preenchimento de um inquérito que visa apurar o grau de perceção do risco sísmico.

“A Terra Treme” é promovido pela ANEPC, em parceria com a Direção-Feral de Educação e a Direção-Geral dos Estabelecimentos Escolares.