cat_gueifaes

O Clube Académico da Trofa manteve o pleno de triunfos na entrada na segunda fase do campeonato de voleibol feminino, vencendo o Gueifães em casa por 3-1, num jogo renhido que opôs o líder do campeonato ao segundo classificado. 

O Gueifães entrou superior no jogo vencendo o primeiro set por 22-25, mas a formação da Trofa impôs a sua estratégia, arrancando a vitória às maiatas com os parciais seguintes 25-22, 25-19 e 25-20.

Em declarações à imprensa no final da partida, Manuel Barbosa, treinador do CAT, estava satisfeito com o “bom jogo” concretizado pela sua equipa. Apesar do triunfo, o técnico reconheceu as dificuldades sentidas pelas suas jogadoras, principalmente no primeiro set.

“Entrámos mal, fomos cometendo alguns erros, mas corrigimos nos outros sets e conseguimos vencer”, afirmou, sublinhando que a vitória na entrada da segunda fase era “importante para conseguir distanciar a equipa em segundo lugar, o que para nós é aliviante”.

Por seu lado, João Pedro Vieira, técnico do Gueifães, considerou que a sua equipa “teve momentos muito bons, principalmente no primeiro e segundo sets, mas o CAT aproveitou a capacidade e experiência individual e colectiva que tem para impôr um jogo mais táctico e isso dificultou a organização do jogo”.

O CAT e o Gueifães voltam a defrontar-se no próximo dia 24 de Fevereiro, em encontro a contar para os quartos-de-final da Taça de Portugal.

Janine Barbosa

Reportagem alargada na próxima edição d’O Notícias da Trofa, quinta-feira nas bancas.