quant
Fique ligado

Trofa

Eleições legislativas: Sofia Matos é cabeça de lista do PSD pelo Porto

São quatro os trofenses que constam nas listas já conhecidas do PSD e PS para as próximas eleições legislativas do próximo mês de janeiro. Sofia Matos, cabeça de lista pelo Porto do PSD, é a mais bem colocada.

Publicado

em

São quatro os trofenses que constam nas listas já conhecidas do PSD e PS para as próximas eleições legislativas do próximo mês de janeiro. Sofia Matos, cabeça de lista pelo Porto do PSD, é a mais bem colocada. O social-democrata Alberto Fonseca e os socialistas Joana Lima e Nuno Moreira são os outros candidatos. Mas também há representantes do concelho nas listas da CDU e PAN.

A trofense Sofia Matos será a cabeça de lista do PSD pelo círculo eleitoral do Porto, nas próximas eleições legislativas de 30 de janeiro. Eleita pela primeira vez deputada, em 2019, a advogada foi a escolhida de Rui Rio para encabeçar uma das principais listas ao Parlamento.
Sofia Matos tem 31 anos e foi secretária-geral da JSD. Na Trofa, liderou a juventude partidária – cargo em que se estreou em 2010 -, tendo ainda presidido a estrutura distrital, entre 2016 e 2020. Foi ainda mandatária nacional para a Juventude do presidente Rui Rio, na disputa interna pela liderança do PSD, no início de 2020, ano em que se apresentou a eleições para liderar a estrutura nacional da JSD, mas perdeu para Alexandre Poço.
Sofia Matos foi também eleita, nas últimas autárquicas, à Assembleia Municipal pela coligação Unidos pela Trofa, na qual também exerceu funções nos dois mandatos anteriores.
A trofense manteve-se ao lado de Rui Rio nas últimas eleições internas e foi recompensada pelo líder social-democrata, que a colocou em lugar de destaque às próximas legislativas.

Na reunião da Comissão Política Nacional do PSD foi aprovada da totalidade dos candidatos, dos quais consta o nome de Alberto Fonseca, também eleito deputado pela primeira vez em 2019 como 10.º candidato do círculo eleitoral do Porto, mas que desceu vários lugares na lista, para 28.º, sendo que muito dificilmente assumirá funções no Parlamento na próxima legislatura. Esta descida abrupta explica-se pelo facto de Alberto Fonseca ter apoiado Paulo Rangel na disputa interna do PSD.
Na última eleição, o PSD elegeu 15 deputados no Porto.

Já o Partido Socialista aprovou, esta segunda-feira, as listas candidatas ao Parlamento, nas quais consta Joana Lima e Nuno Moreira. A primeira mantém o 12.º lugar com o qual foi eleita em 2019. A ex-presidente da Câmara Municipal da Trofa foi eleita deputada, pela primeira vez, na X legislatura, entre 2005 e 2009 e regressou ao Parlamento em 2015.

Já Nuno Moreira, socialista que foi candidato, nas duas últimas eleições autárquicas, à União de Freguesias da Alvarelhos e Guidões, surge em 34.º lugar da lista do PS pelo distrito.
Nas legislativas de 2019, o Partido Socialista elegeu 17 deputados no Porto.
Em nota enviada ao NT, o PS Trofa deu conta de que os nomes de Joana Lima e Nuno Moreira foram aprovados por unanimidade pelo secretariado concelhio do partido e “por mais de 85% dos comissários políticos distritais”.
Segundo Amadeu Dias, presidente da concelhia do PS Trofa, o processo de escolha dos nomes a indicar “foi simples, rápido e pacífico”. “Em estrita articulação com o presidente da Federação Distrital do Porto, Manuel Pizarro, concluímos que a avaliação feita ao trabalho da deputada Joana Lima nestes dois últimos anos foi muito positiva. Além de ter sido uma Coordenadora dos Deputados do Distrito organizada e presente, defendeu e reivindicou as infraestruturas necessárias não só para o desenvolvimento da Trofa, como de todo o distrito. O nome do Nuno Moreira segue no seguimento daquele que é o trabalho concelhio do PS na Trofa. O extraordinário resultado que conseguiu com a sua equipa nas últimas eleições autárquicas na freguesia de Guidões, aliado ao seu espírito de militância e serviço à causa pública, fazem do Nuno Moreira uma excelente escolha por parte do PS. É um empresário de sucesso, um dirigente associativo sempre disponível, e um dos quadros políticos mais qualificados do PS Trofa”, referiu.

Pela CDU a Trofa tem Fernando Sá como n.º 7 na lista de candidatos pelo circulo do Porto, pelo PAN Rodrigo Reis, eleito nas últimas autárquicas como deputado da Assembleia Municipal, ocupa o 9.º ligar na lista de candidatos a deputados.

Continuar a ler...
Publicidade

Desporto

Trofense sem direção aguarda por setembro para criar comissão administrativa

Publicado

em

Por

Apenas 40 sócios marcaram presença na assembleia geral extraordinária do Clube Desportivo Trofense, na noite desta sexta feira, que tinha como ponto a eleição de uma comissão administrativa, depois de Franco Couto ter apresentado a demissão, por motivos pessoais.

A assembleia foi conduzida por José Duarte Gomes, presidente da Assembleia Geral do Clube, apoiado por 2 sócios, uma vez que os secretários da assembleia não compareceram na mesma.

A comissão vai ter como primeira batalha tratar do pagamento dos 4 meses em atraso do RERE (Regime extrajudicial de recuperação de empresas), que foi aprovado em tribunal e que o clube não estará a pagar, segundo informação vinculada na assembleia.

A assembleia terminou sem que alguém demonstra-se interesse em liderar uma comissão administrativa, havendo 5 sócios disponíveis para integrar uma, mas sem a liderar.

Ficou marcada para 2 de setembro nova assembleia com o objetivo de encontrar uma comissão.

Continuar a ler...

Trofa

Junta do Coronado cancela Coronado Convida por “desentendimento” com a paroquia de S.Mamede

Publicado

em

Por

A Junta de Freguesia do Coronado cancelou a edição de 2022 do Coronado Convida.
O evento estava previsto para decorrer entre 29 de agosto e 4 de setembro foi cancelado porque a paróquia pretendia montar “uma tasquinha” no adro da Capela do Divino Espírito Santo, mesmo depois de “terem tomado conhecimento de que já não havia lugar para mais espaços de restauração”, anunciou a junta em comunicado.

No referido documento, a junta de freguesia afirma que “tentou sensibilizar os intervenientes de que isso colocaria em causa toda a dinâmica e todos os participantes do evento” e que “perante a insistência e a determinação dos elementos ligados à Paróquia a Junta de Freguesia viu-se forçada a cancelar o evento para salvaguardar o princípio de organização do mesmo e para não entrar em choque” com uma das entidades da comunidade, nem com todos os participantes do certame. (Leia o comunicado na integra clicando aqui)


Já a paroquia, também em comunicado afirma que o regulamento do evento “definia que os lugares de restauração seriam atribuídos mediante apresentação de candidatura em carta fechada, sob licitação mínima de 800 euros, a serem conferidos aos três que apresentassem a melhor proposta, até ao dia 5 do presente mês, contudo, e segundo o mesmo comunicado, “a informação que foi disponibilizada à Paróquia, oito dias antes da data prevista de entrega das cartas, foi de que os lugares já se encontravam preenchidos.”
Segundo o comunicado, publicado nas redes sociais, a paroquia afirma que “manifestou o seu descontentamento com esta falta de consideração pelas regras instituídas” e que dois elementos do conselho económico estiveram reunidos com o presidente da Junta de Freguesia, José Ferreira, saindo dessa reunião com “bom entendimento entre as partes, decorrendo num favorável espírito de abertura e cordialidade”, mostrando surpresa pelo motivos alegados para o cancelamento do evento. (Leia o comunicado da paroquia clicado aqui)


O certame tinha realização prevista, tal como nas anteriores edições, na zona envolvente à Capela do Divino Espirito Santo, em S.Mamede do Coronado.
O Coronado Convida realizou-se já por 11 edições, esteve suspenso em 2010 e 2011 devido à pandemia, e é uma mostra associativa e cultural da freguesia.

Continuar a ler...

Edição Papel

Comer sem sair de casa?

Facebook

Farmácia de serviço

 

arquivo

Neste dia foi notícia...

Ver mais...

Covid-19

Pode ler também

} a || (a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);