O trofense Rui Pedro Silva não conseguiu terminar a maratona do Campeonato da Europa de Atletismo, na prova que se realizou este domingo, 17 de agosto.

Em mensagem deixada na sua página do Facebook, Rui Pedro Silva afirmou que “vida de maratonista é mesmo assim”, em que “por vezes não” se consegue “controlar o corpo”. “A partir dos 30 quilómetros comecei a ter muitas dores musculares. Queria muito ter chegado ao fim fosse que classificação fosse, mas foi impossível. Agora é descansar e pensar nos próximos objetivos. Obrigado pela vossa força”, frisou.

Na maratona, Ricardo Ribas foi o português melhor classificado na prova, tendo-a terminado no 10.º lugar, com o tempo de 2:15:43 horas, a quase cinco minutos do vencedor, o italiano Daniele Meucci (2:11:08). José Moreira (2:24:43) foi 39.º, enquanto Hermano Ferreira e Rui Pedro Silva não concluíram o percurso.